Dúvida de leitores: Lucas 22: 43,44 é canônico?


O leitor L. Cândido fez a seguinte colocação: 

Bem, reconheço a grande erudição, e filtragem da Tradução Novo Mundo em relação aos textos espúrios, ou seja textos não canonicos, não inspirados por Deus, como por exemplo em João 5.4 “Porque um anjo do Senhor costumava de época em época descer ao reservatório e agitar a água; o primeiro que então entrasse nela após  a agitação da água ficava bom de saúde, livre de qualquer doença de que padecesse” pois este texto não consta nos melhores e mais antigos manuscritos, e com certeza foi acrescentedo posteriormente, como também 1 João 5.7,8, a passagem: “no céu: o Pai, a Palavra, e o espírito santo; e três são os que testificam na terra“, portanto estas passagens são acrescentadas, e várias bíblias reconhecem que esses textos não fazem parte das Escrituras, visto que até mesmo a Almeida Revista e Atualizada, põe estes dois textos entre colchetes, A Nova Versão Internacional exclue 1 Jo 5.7, 8 e diz na nota, que estes Dois textos acima, e vários outros são textos acrescentados, e não constam nos mais antigos e melhores manuscritos.

_Bom, eu tiro por mim mesmo, detesto essas passagens espúrias, pois são mto confusas, duvidosas, minam a fé na palavra de Deus, e não dizem nada com nada, assim como os livros Deuterocanônicos, aceitos pela católica.

Daí, com isso em mente, esses dias encontrei na Tradução do Novo Mundo a seguinte passagem que eu já sei que é expúria, o texto é Lc 22.43, e 44 que diz:
Apareceu-lhe então um anjo do céu e o fortaleceu. 44 Mas, ficando em agonia, continuava a orar mais seriamente; e seu suor tornou-se como gotas de sangue caindo ao chão.

_essa passagem é igual as outras, confusa, e sem sentido, fugindo da realidade…. daí, surgiu a pergunta: porque a Tradução do Novo Mundo não excluiu essa passagem? ou porque não colocou entre colchetes como em Lc 23.19, 34?

*A Bíblia Almeida Revista e Atualizada na edição Biblia de Estudo Almeida coloca entre colchetes [ ], assim como faz com todas as passagens espúrias, e comenta o seguinte na nota: ‘22.43-44 Os vs. 43-44 não aparecem em diversos manuscritos.’

*A Nova Versão Internacional não excluiu esta passagem, porém diz o seguinte em sua nota: ‘22.44 Alguns manuscritos não trazem os versículos 43 e 44.’

*A Tradução do Novo Mundo em sua edição Bíblia com Referências, não excluiu esta passagem, e diz o seguinte em sua nota: ‘Os vv.  43, 44, constam em א°DVgSyc,h,hi,pArm; P75אcABWSys omitem isso.’

Tudo bem que as outras Bíblias também deveriam excluir esta passagem, mas eu vejo que a Tradução do Novo Mundo mantém uma posição firme, que as outras não mantém, pois a NM não deseja agradar a homens, mas a Deus, tanto em questões como verter o nome Dele por: SENHOR, a NM manteve uma posição firme e restaurou o nome divinino em todos os lugares, agora sabemos que a Nova NM terá mais 6x no AT, a revisão também excluiu os intrigantes Mc 16.9-20 bem como a conclusão longa e curta, e também Jo 7.53-8.11, daí eu baixei a nova NM revisada em inglês, daí eu olhei a passagem de Lc 22.43,44 e não mudou nada….nem colchete, nem nota, para essa passagem espúria…daí gostaria mto da sua ajuda, essa passagem faz parte da bíblia ou não? visto que não é nem mesmo encontrada em Mateus, Marcos ou João, só em Lucas….e tenho certeza de que os manuscritos originais não tinham essa passagem…

Sempre Grato pela ajuda prestada….Lucas Cândido

RESPOSTA DO SITE TNMD:

Lucas 22:43,44 tem sido comentado por alguns como sendo um texto cuja canonicidade é “duvidosa”. Alguns chegam a dizer que tal passagem é “semelhante a de 1 João 5:7”. Todavia, há uma diferença clara entre estes, uma vez que 1 João 5:7 só encontra apoio  em dois manuscritos em latim antigo, do sexto e do oitavo séculos, e em alguns manuscritos da Vulgata latina, mas não nos mais antigos.(Para uma consideração deste verso clique aqui). Erasmo não o incluiu na sua primeira edição do Novo Testamento Grego (1516), nem na sua segunda (1519), nem o encontramos em qualquer escrito cristão em grego durante os primeiros séculos após o início do cristianismo. Por outro lado, Lucas 22:43,44 é encontrado não somente na Vulgata Latina produzida no 4º século, mas em diversos manuscritos da Peshitta bem como no Manuscrito Sinaítico conforme abaixo:

Lucas22verso43sinaiticus

Siga o link do Manuscrito Sinaítico>>>>              SINAÍTICO

ωφθη δε αυτω αγγελοϲ απ ουρανου ενιϲχυων αυτον 44και γεναμενοϲ εν αγωνια εκτενεϲτερον προϲηυ χετο και εγενετο ϊδρωϲ 

αυτου ωϲι  θρομβοι αιματοϲ καταβαινοντοϲ ε πι την γην 

Lucas 22:43,44 pode ser encontrado também no Códex Bezae do 5º século, bastante respeitado por estudiosos do Texto Crítico por conter dentro de seu corpo um texto em latim datado de antes de 250 DC lado a lado com o texto grego. O que fortalece a canonicidade  de Lucas 22:43,44! *****

Pouco tempo depois da morte do ultimo dos Apóstolos, viveu  Tatiano, um apologista e asceta que escreveu o Diatessarão entre 160- 175 E.C. Em seus escritos, Tatiano omite o encontro de Jesus com a adúltera (Perícope da Adúltera – João 7:53 até João 8:11), uma passagem que muitos eruditos  consideram não ser originalmente parte do texto de João. Porém, curiosamente ele não considera Lucas 22:43,44 como espúrio, de modo que o inclui normalmente no texto.

Temos então a lista dos mss que o citam:

Codex Sinaiticus*, 2, D, Codex Laudianus, Codex Seidelianus I, Codex Seidelianus II, Cyprius, Regius, Codex Campianus, Guelferbytanus B, Codex Sinopensis, Codex Nanianus,Codex Monacensis, Δ*, Codex Tischendorfianus III, Codex Athous Lavrensis, Uncial 0171, f1, 174, 565, 700, 892, 1009, 1010, 1071mg, 1230, 1241, 1242, 1253, 1344, 1365, 1546, 1646, 2148, 2174, ( 184, 211, Byz, it, vg, syrcur, syrh, syrp, syrpal, Manuscritos Armenios e Etíopes, Diatessarão.

É excluído porem em:

Papyrus 69, Papyrus 75, Codex Sinaiticus1, Codex Alexandrinus, Codex Vaticanus, Codex Petropolitanus Purpureus, Codex Nitriensis, Codex Borgianus, W, 158, 512, 542, 552, 579,777, 826, 1071*, 1128, Lectionariespt, f, syrs, copsa, copbo, Manuscrito Georgiano.

Como vimos Lucas 22:43, 44, é omitido no Manuscrito Vaticano N.° 1209, no Manuscrito Alexandrino, no códice Sinaítico siríaco e no texto corrigido do Manuscrito Sinaítico. Todavia, estes versículos ocorrem no Manuscrito Sinaítico original, no Códice Bezae, na Vulgata latina, no texto siríaco curetoniano e na Pesito siríaca

Joel B. Green e Scott McKnight (1992) escreveram  no Dicionário de Jesus e dos Evangelhos a respeito de Lucas 22:43,44:

“Outros, no entanto, observam a impressão das características de Lucas  nestes versos, que fala pela sua originalidade no Terceiro Evangelho. Além de (1) a inclusão de características do vocabulário característico de Lucas (Green de 1988, 56-57), pode-se também observar (2) a ênfase de Lucas sobre a aparição de anjos (por exemplo, 1:11, 26; 2:13, 15; Atos 5:19 ; 7:30, 8:26, 10: 3, 12: 7), (3) o interesse de Lucas em semblantes (“seu suor era como gotas de sangue”, v 44;  por exemplo, 3:22, 10.: 18; 11:44; 22:31) e (4) o gosto de Lucas para manifestações físicas (como o suor), que acompanha os eventos ultramundanos (por exemplo, 1:20; 3:22, Atos 2: 2-3; 9:18) Estes dados, juntamente com o fato de que a presença destes versos é de uma peça com a interpretação de Lucas da cena como um todo, apontam claramente para a originalidade de 22: 43-44. Além disso, não é difícil imaginar uma justificativa para a exclusão precoce destes versos na tradição manuscrita. O retrato de um Jesus humano contido nele, agonizante, precisando de ajuda, exigindo apoio angelical-teria sido problemático para alguns (cf. Gos. Nic. 20; Green 1988, 56). Assim, podem ter sido removidos por razões doutrinárias. Há, portanto, uma boa razão para considerar esses versos como original de Lucas “. p.266-67 Green, J. B., McKnight, S., & Marshall, I. H. (1992). Dictionary of Jesus and the Gospels

De fato,há  textos antigos datando do 4º século tanto a favor como contra a canonicidade de Lucas 22:43.44

O Erudito Bart D. Ehrman fala contra sua canonicidade e em apoio disso afirma que tais versos não são encontrados nos “mais antigos manuscritos”. Esta é claramente uma meia verdade. Como podemos atestar acima, Lucas 22:43,44 não somente é encontrado em alguns dos mais respeitados mss, como também é citado nos mais antigos mss. Ademais, é mencionado por Irineu (202 E.C), Justino (100-165 E.C), Hipolyto de Roma (179-235 E.C) que assim como Irineu, um discípulo de Policarpo que viveu nos dias dos Apóstolos, consideravam Lucas 22:43,44 como inspirados. Dentre muitos outros como Eusébio de Cesareia ,Epifânio e Agostinho.

Agostinho escreveu:

“(…) não deixem os hereges incentivar-se que aqui reside uma confirmação de sua fraqueza, que ele precisava de ajuda e conforto de um anjo. Lembrem-se o Criador dos anjos não precisa do apoio de suas criaturas.. “(De Trinitate, livro 10, par. 41).

Teólogos trinitários não raro, fazem citações seletivas de mss antigos que não preservaram a leitura de Lucas 22:43,44 e deixam de informar que existem sim mss antigos que a emprega. Isso é altamente suspeito.Por exemplo, Bruce M. Metzger (2005):

“Estes versos estão ausentes em algumas das melhores e mais antigas testemunhas [textuais], incluindo a maioria dos manuscritos alexandrinos”.

Eu poderia dizer o mesmo! Que Lucas 22:43,44 está presente em algumas das mais antigas testemunhas textuais. Está presente também nos textos de eruditos que viveram décadas após a morte dos apóstolos. Não apenas um teólogo cristãos daquele tempo, mas vários estudiosos citaram o texto, de certa forma autenticando sua originalidade. Normalmente um texto espúrio não tem aceitação universal,mas se instala de modo paulatino com o passar dos séculos ou com o apoio de textos majoritários.

É considerável  a maneira como as declarações de Paulo se harmonizam com as de Lucas em demonstrar que Jesus é subordinado a Alguém e não que  ele seja o próprio Deus, como afirma a doutrina da trindade.

Paulo, sob inspiração afirmou que Jesus suplicou força para enfrentar suas provações na hora principal. Com que resultado?

Lemos:

Hebreus 5:7

 [Cristo,] nos dias da sua carne, ofereceu súplicas e também petições Àquele que era capaz de salvá-lo da morte, com fortes clamores e lágrimas, e ele foi ouvido favoravelmente pelo seu temor piedoso.

O que alguns deixam de perceber em sua tentativa de rejeitar Lucas 22:43,44 como canônico, é sua ampla circulação em  escritos tanto bíblicos como extra bíblicos logo cedo no 2º século. O método científico de investigação indica que não poderia ser uma invenção tardia. É bem mais fácil aceitarmos que alguém tentou remover tal texto, uma vez que sabemos não somente da antiguidade deste texto, mas do hábito dos trinitários de adulterar a Bíblia por remover ou inserir textos espúrios de modo descarado no texto da Palavra de Deus. De fato temos visto adições ( I, II, III ) interpolações (I, II) e omissões (I , II ) em suas traduções da Bíblia, desde cedo na história do cristianismo apóstata.

 O UNCIAL 0171 circa 300 E.C é fragmentário e atesta a favor da originalidade de Lucas 23:43,44. Poderá confirmar isto neste link. Clique na imagem abaixo para amplia-la se desejar. Observará que ocorre parte do verso em questão, muito embora esteja faltando o restante. Contudo, uma reconstrução indica sua originalidade no texto.

Uncial_0171_Lucas22verso43TNMD

 Observe o que dizem obras ou Comentários da Bíblia:

Ellicott’s Commentary for English Readers:

“(43) Apareceu-lhe um anjo do céu.-Este e versos que seguem são omitidos por não poucos dos melhores MSS., Mas o peso da evidência está, como um todo, em seu favor”.

O Texto de Westcott e Hort, um texto padrão reza:

Westcott and Hort 1881 ὤφθη δὲ αὐτῷ ἄγγελος ἀπὸ τοῦ οὐρανοῦ ἐνισχύων αὐτόν. “Aparece-lhe então um anjo do céu e o fortaleceu”. “Famílias textuais” apoiam o texto como canônico:

RP Byzantine Majority Text 2005
Ὤφθη δὲ αὐτῷ ἄγγελος ἀπ’ οὐρανοῦ ἐνισχύων αὐτόν.

Greek Orthodox Church 1904
ὤφθη δὲ αὐτῷ ἄγγελος ἀπ’ οὐρανοῦ ἐνισχύων αὐτὸν.

Tischendorf 8th Edition
ὤφθη δὲ αὐτῷ ἄγγελος ἀπ’ οὐρανοῦ ἐνισχύων αὐτόν.

Scrivener’s Textus Receptus 1894
ὤφθη δὲ αὐτῷ ἄγγελος ἀπ’ οὐρανοῦ ἐνισχύων αὐτόν.

Stephanus Textus Receptus 1550
ὤφθη δὲ αὐτῷ ἄγγελος ἀπ’ οὐρανοῦ ἐνισχύων αὐτόν

Há razões para se duvidar do texto e confundi-lo com mito? 

Lucas 22:44 declara: “… seu suor tornou-se como gotas de sangue caindo ao chão.”

É possível que tenha sido o que em termos médicos se chama de hematidrose. Pode ocorrer em alguns casos raros quando alguém está num estado altamente emocional. Tem-se relatado casos de suor de sangue, em certas situações de tensão mental extrema. Na hematidrose, por exemplo, há uma excreção de transpiração tingida de sangue ou de pigmentos sanguíneos, contudo, não se pode dizer ao certo o que aconteceu no caso de Jesus.

Both comments and trackbacks are currently closed.