Arquivos da Categoria: Religião

Igreja Batista é vítima de perseguição na Rússia – Perseguição que alguns deles mesmos alimentaram


criminoso bebendo de seu próprio veneno

 

A Lei Anti Evangelismo é invocada contra a Igreja Batista em Orel

Alguns apóstatas e opositores das Testemunhas de Jeová no Brasil, comemoraram quando a Rússia proscreveu ou baniu as Testemunhas de Jeová sob a falsa acusação de extremismo. Mas agora estão pra sentir o gosto do veneno que eles mesmos prepararam contra as Testemunhas de Jeová. Aqui no Brasil, teve gente que odeia tanto as Testemunhas de Jeová, que chegou a se corresponder com autoridades russas para tentar puni-las a qualquer custo! Mas o feitiço voltou contra seus próprios irmãos de fé!

Orlovskie Novosti, 20 Março 2018

Voluntários do departamento de Orel chamados de “Juventude Primeiro Socorros” fizeram uma denúncia à polícia. A razão foi uma apresentação da Igreja Batista realizado no dia 14 de Março em Orel. O Show foi apresentado na Casa de Oração na rua Bryansk.

Os ativistas consideraram que o espetáculo era um ritual religioso. “Eles oraram e “se arrependeram,etc,” escreveram os ativistas em suas páginas na internet.

Na mídia noticiou-se que os líderes “dessa associação religiosa, a fim de popularizar seu ensino e atrair um círculo indeterminado de pessoas para a atividade do grupo religioso, organizaram atividades missionárias ilegais no território da cidade de Orel”. Orlovskie Novosti foi informado no departamento do MVD que o programa apresentado nos noticiários foi gravado. “Uma inspeção está sendo conduzida em relação a este incidente”, observou o departamento.

Em 30 de setembro de 2016, Donald Jay Ossewaarde, um batista americano que vive em Orel, foi responsabilizado administrativamente e multado em 40.000 rublos. Ele foi levado à justiça porque conduziu cultos em Orel, embora não tenha notificado o Ministério da Justiça “sobre o início da atividade de um grupo religioso”, conforme exigido por novas emendas relativas à atividade missionária do chamado Pacote Yarovaya. Depois disso, o americano recorreu da decisão para a Suprema Corte, mas perdeu. Mais tarde, ele afirmou que pretendia deixar a Rússia.

No verão do ano passado, foi relatado que o Tribunal Europeu dos Direitos Humanos estava se preparando para considerar o apelo do americano.

Anúncios