Arquivos da Categoria: Apostasia

Defender a verdade na Internet – PARTE II

Vou continuar a escrever sobre linguística de um ponto de vista estritamente profissional, pois eu leciono idiomas. Se não fosse isso eu já teria deletado este site! Cristo Jesus possui de fato um povo altamente organizado para pregar as boas novas do Reino, ensinar e cuidar dos “bens do Amo”. Páginas alternativas que se propõe a defender as TJ e pregar na internet arrogam para si uma prerrogativa ilegítima que não é algo de foro pessoal, mas uma concessão ou designação atribuída a apenas uma entidade, a saber, os guardiões da doutrina salutar, o Escravo Fiel e Prudente. Eles que são os responsáveis pela obra de pregação realizada pelo povo de Jeová.

No começo eu achava que seria bom defender as Testemunhas de Jeová por agregar o que já conheço dos idiomas antigos, mas de uns dias para cá mudei totalmente de ideia. Assim como a apologia no século II trouxe consigo muita apostasia, acredito que um dos atalhos mais curtos para a apostasia é a chamada “apologia” praticada por muitos nas redes sociais, youtube e internet como um todo.

“…um dos atalhos mais curtos para a apostasia é a chamada “apologia”.”  Queruvim

 

Alguns estão de fato “se achando” mais perspicazes e entendidos

do que os irmãos da dianteira da obra mundial. Cristo Jesus está com os responsáveis pela pregação mundial realizada hoje pelas Testemunhas de Jeová. Criar canais paralelos ou institutos que apoiem as TJ me parece altamente arriscado por vários motivos e também uma forma de minar ou enfraquecer a posição da entidade biblicamente autorizada a realizar esse papel.

A Bíblia quando diz que devemos ser obedientes e “submissos” implica em se submeter a esta liderança. 

“Sede obedientes aos que tomam a dianteira entre vós e sede submissos, pois vigiam sobre as vossas almas como quem há de prestar contas.” — HEBREUS 13:17.

Portanto, parei com apologia na internet.

 

Vou deletar boa parte dos artigos neste site. Ele deverá ser considerado uma referência com bases gramaticais, filológicas, morfológicas e semânticas. Mas não mais um guia teológico. Para isso existe o JW.ORG. A apologia séria já teve seu papel.

Se gosta de se informar de assuntos mais profundos envolvendo os idiomas da Bíblia tire proveito deste site de forma individual. Indicar outros sites que não o JW.ORG se tornou algo muito perigoso. Há muitos sites que estão se propondo a “defender a verdade” e as “Testemunhas de Jeová”, mas que deixam abertas linhas de comunicação com opositores e outros alucinados anti-Testemunhas de Jeová.

Promover entre o povo de Jeová outros sites, que não o JW.ORG  para busca de informações bíblicas, pode custar seus privilégios na congregação.

Ao surgirem dúvidas procurem no site oficial da Organização de Jeová. Também estamos recebendo orientação para evitar o vício por debates sem fim com pessoas que não estão interessadas na verdade. Se isso está acontecendo com você, ocupe o seu tempo em se ajudar e ajudar sua família, sua congregação, vizinhos e outros em seu território. Não se desgaste com pessoas que não merecem!

Devo apagar muitos artigos deste site. Mas pretendo postar notícias e outros assuntos interessantes com o objetivo de indexar melhor este site nas ferramentas de busca on line.

Um abraço a todos,

 

Queruvim