Arquivos da Categoria: Arqueologia e a Bíblia

O Alfabeto Mais Antigo do Mundo

Por cerca de 150 anos, os eruditos tentaram identificar o idioma da primeira escrita alfabética do mundo e traduzir algumas das inscrições que a usam. Até agora, suas tentativas conseguiram pouco mais do que apenas identificar a maioria das letras pictográficas e traduzir algumas das palavras semíticas. Com a publicação de O Alfabeto Mais Antigo do Mundo: o Hebraico como a Língua da Escrita Proto-Consonantal, um novo dia amanheceu. O Professor Douglas Petrovich apresenta uma defesa minuciosa e detalhada de suas novas e ousadas afirmações sobre esses escritos. Todas as letras disputadas foram resolvidas, enquanto a língua foi identificada conclusivamente como hebraica, permitindo a tradução de 16 inscrições que datam de 1842 a 1446 a.C. É a leitura do autor que essas inscrições nomeiam expressamente três figuras bíblicas (Asenath, Aisamach e Moisés) e iluminam grandemente a mais antiga história israelita de uma maneira que nenhum outro livro alcançou, exceto a Bíblia.

 

Review

A Respeito do Autor

Veja também:

Comentário da página TNMD: Os eruditos tendem a concordar que o mais antigo e atestado alfabeto pertence à família de línguas semíticas. Discordam porém, quanto à identidade da língua. Neste livro, o Professor Douglas Petrovich emprendeu comprovar que o idioma do primeiro alfabeto era o hebraico- não o cananeu, fenício ou ugarítico. Ele apresenta uma atualização erudita a respeito deste tópico, oferece soluções para identificar as controversas letras alfabéticas, aprimorando o desenho tendo em vista melhor decifrar esta problemática. Petrovich junta grande quantidade de pesquisa e faz uso de uma vasta gama de disciplinas.