Autor do arquivo: Queruvim

Pesquisador Independente, Leciono Grego Coine e Hebraico. Fluente em Inglês, e leitura de textos em Latin e Aramaico ; autor de mais de 1000 artigos sobre Temas bíblicos envolvendo os idiomas originais da Bíblia. Nesta página faço detalhadas críticas textuais do V.T e do N.T. Nesta página APRESENTA-se notícias e curiosidades

Nem todos os comentários serão aprovados. Isto está de acordo com o princípio de Romanos 16:17

João 1:1 o que dizem gramáticos

 

Murray J. Harris, professor emérito de exegese e teologia do Novo Testamento na Trinity Evangelical Divinity School, considerado um erudito internacional de ponta, no seu livro Jesus as God- The New Testament use of Theós in reference to Jesus, afirmou:

 

 

 

 

 

 

 

“…de um ponto de vista puramente gramatical, theós en ho logos poderia ser traduzido e a palavra era um deus.” (página 60)


“Em João 1: 1, penso que a força qualitativa do predicado é tão proeminente que o substantivo não pode ser considerado definido. “

-P.Harner, Journal of Biblical Literature, Vol. 92.1, 1973, pp.85, 87.

 

 

 


Outro erudito que afirmou o mesmo foi o Rev. J. W. Wenham no seu bem-conhecido The Elements of New Testament Greek, escreveu numa nota de rodapé: “Em Manuscritos antigos os quais não possuem diferenciação entre letras maiúsculas e minusculas, não haveria maneira de distinguir entre Theos(‘God’) e theos(‘god’). Sendo assim, apenas no que concerne a gramática, tal sentença poderia ser … À palavra é um deus‘, ou, ‘A Palavra é Deus’.”(footnote 2, page 35, Cambridge University Press, 1987 reprint.)


C. H. Dodd, erudito do Novo Testamento e um influente teólogo protestante galês, escreveu :

“Se uma tradução fosse apenas um assunto de substituir palavras, uma possível tradução de[THEOS EN hO LOGOS]; seria, “A palavra era um deus”. Como tradução palavra por palavra não pode ser condenada, e para Gregos pagãos que ouviram a linguagem cristã primitiva,[THEOS EN hO LOGOS]soaria como uma declaração perfeitamente sensível, neste sentido[“significando um de uma classe de seres considerado como divino”-Dodd, ibed)….A razão porque é inaceitável é por que vai de encontro a corrente de pensamento Joanino, e de fato ao pensamento cristão como um todo.”-Technical Papers for The Bible Translator, Vol 28, No.1, January 1977.


A principal função do artigo é tornar algo definido. Pode indicar algo novo para a discussão, ou algo já mencionado. “Theos en ho logos” está descrevendo a qualidade do Logos-Palavra em que ele possuía [característica de] divino ou divindade como o único filho de Deus que era um espírito, sendo como Deus, mas não idêntico a Jeová Deus “. (William D.Chamberlain foi professor de língua e literatura do Novo Testamento no Seminário Presbiteriano de Louisville. É um livro de texto sobre gramática grega que foi recomendado por Bruce Metzger.)


Philip B. Harner – Substantivos Predicativos Anartros Qualitativos

“Não há nenhuma base para considerar o predicado Theos como definido.” 

 


Jason Beduhn e João 1:1 na Tradução do Novo Mundo

 

 

 

Anúncios