Qual é o significado da palavra hebraica Adonai ?

A melhor forma de definirmos uma palavra é por examinar a maneira em que ela é usada no texto da Bíblia em todas as suas ocorrências e tirar uma conclusão a partir deste “escaneamento”. Usando de método científico por meio de uma observação sistemática e análise com o uso da lógica e bom senso, podemos entender claramente o uso e intenção do escritor inspirado por Deus no que se refere a palavra que pesquisamos. Podemos também recorrer a fontes seculares em hebraico da época a fim de vermos como tal palavra era usada. Daí teremos o entendimento exato. Este passo não é atingido, se a pessoa pesquisa com idéias pre-concebidas e permite que sua teologia se infiltre na explicação do significado de um termo.

É por isso que a maioria das páginas na internet e livros escritos principalmente por religiosos “carismáticos” e carregados de emoção, não são de valor algum para aqueles que estão procurando a verdade cristalina da palavra de Deus.

Um exemplo está no uso da palavra Adonai que é tradicionalmente definida de uma maneira equivocada até mesmo em léxicos. A palavra hebraica ’Adho·naí, sem um sufixo adicional, sempre se refere  ao Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo , denotando seu soberano poder. Em parte alguma da Bíblia se usa ’Adho·naí  com referência a Jesus.

Paulo escreveu pelo espírito de Deus:

“… que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê um espírito de sabedoria e de revelação no conhecimento exato deleEfésios 1:17.

De fato, o exame exato do significado da palavra ’Adho·naí é um passo a mais na busca deste “conhecimento exato” que somente a Bíblia, a palavra de Deus pode nos dar.

Uma vez que “’Adho·naí” ocorre 439 vezes na Bíblia Hebraica de Rudolf Kittel (BHK) como também na Bíblia Hebraica  Stuttgartensia, e nestas ocorrências tal palavra é aplicada exclusivamente ao Ser Supremo  chamado nas Escrituras de Jeová, (IHVH) fica claro que “’Adho·naí” não pode ser aplicada a ninguém mais em todo universo. O idioma hebraico possui um plural para expressar majestade, intensidade ou magnitude.

Brown Driver Briggs English Hebrew Lexicon ou BDB verte a palavra Adon,  por “Senhor” ou “Mestre” ou “Dono”e alguns se  confundem com a expressão ’Adho·naí que não é usada nas Escrituras da mesma forma que Adon. Como já salientado ’Adho·naí é usado exclusivamente com referência ao Deus Todo Poderoso.

Adoni é encontrado em vários textos referindo-se a humanos. Por exemplo em Gênesis 24:42 o servo de Abraão diz:

יְהוָה אֱלֹהֵי אֲדֹנִי אַבְרָהָם

Jeová [o] Deus de meu senhor (hebr. Adoní) Abraão.

O sufixo “í” representa o pronome possessivo “meu, minha” acrescentados a palavras no singular.

 “’Adho·naí” etimologicamente é o plural de Adoní, a saber adoním combinando com o sufixo do pronome possessivo, primeira pessoa do singular resultando na forma Adonai. É um plural respeitoso e não um plural sintático. (Veja o artigo: O Plural Majestático Hebraico)

Transmite a idéia de “Senhor dos Senhores”ou mais apropriadamente vertido “Soberano Senhor” e é evidentemente um dos plurais que indicam a grandeza ou majestade exclusiva de Jeová. 

Tetragrama do Nome de Deus que ocorre frequentemente depois da palavra Adonay e costuma ser traduzido por “Soberano Senhor Jeová”; tal frase é vertida de maneira atrapalhada e omissa na maioria das versões da palavra de Deus

Muitas versões da Bíblia vertem tanto a palavra hebraica Adon como ’Adho·naí por “Senhor”, mostrando que o entendimento do significado exato desta palavra era desconhecido a algum tempo atras. Contudo a Tradução do Novo Mundo das Escrituras Sagradas verteu apropriadamente Adonai por “Soberano Senhor” ao passo que Adon foi vertida por “Senhor”.

A expressão ’Adho·naí Yehwíh, “Soberano Senhor Jeová”, encontra-se 285 vezes na BHK e na BHS,usada como base para se traduzir a TNM,  a saber, em Gên 15:2, 8; De 3:24; De 9:26; Jos 7:7; Jz 6:22; Jz 16:28; 2Sa 7:18, 19, 20, 22, 28, 29; 1Rs 2:26; 1Rs 8:53; Sal 71:5, 16; Sal 73:28; Is 7:7; Is 25:8; Is 28:16; Is 30:15; Is 40:10; Is 48:16; Is 49:22; Is 50:4, 5, 7, 9; Is 52:4; Is 56:8; Is 61:1, 11; Is 65:13, 15; Je 1:6; Je 2:22; Je 4:10; Je 7:20; Je 14:13; Je 32:17, 25; Je 44:26; Ez 2:4; Ez 3:11, 27; Ez 4:14; Ez 5:5, 7, 8, 11; Ez 6:3, 11; Ez 7:2, 5; Ez 8:1; Ez 9:8; Ez 11:7, 8, 13, 16, 17, 21; Ez 12:10, 19, 23, 25, 28; Ez 13:3, 8, 9, 13, 16, 18, 20; Ez 14:4, 6, 11, 14, 16, 18, 20, 21, 23; Ez 15:6, 8; Ez 16:3, 8, 14, 19, 23, 30, 36, 43, 48, 59, 63; Ez 17:3, 9, 16, 19, 22; Ez 18:3, 9, 23, 30, 32; Ez 20:3, 5, 27, 30, 31, 33, 36, 39, 40, 44, 47, 49; Ez 21:7, 13, 24, 26, 28; Ez 22:3, 12, 19, 28, 31; Ez 23:22, 28, 32, 34, 35, 46, 49; Ez 24:3, 6, 9, 14, 21, 24; Ez 25:3, 3, 6, 8, 12, 13, 14, 15, 16; Ez 26:3, 5, 7, 14, 15, 19, 21; Ez 27:3; Ez 28:2, 6, 10, 12, 22, 24, 25; Ez 29:3, 8, 13, 16, 19, 20; Ez 30:2, 6, 10, 13, 22; Ez 31:10, 15, 18; Ez 32:3, 8, 11, 14, 16, 31, 32; Ez 33:11, 25, 27; Ez 34:2, 8, 10, 11, 15, 17, 20, 30, 31; Ez 35:3, 6, 11, 14; Ez 36:2, 3, 4, 5, 6, 7, 13, 14, 15, 22, 23, 32, 33, 37; Ez 37:3, 5, 9, 12, 19, 21; Ez 38:3, 10, 14, 17, 18, 21; Ez 39:1, 5, 8, 10, 13, 17, 20, 25, 29; Ez 43:18, 19, 27; Ez 44:6, 9, 12, 15, 27; Ez 45:9, 15, 18; Ez 46:1, 16; Ez 47:13, 23; Ez 48:29; Am 1:8; Am 3:7, 8, 11, 13; Am 4:2, 5; Am 5:3; Am 6:8; Am 7:1, 2, 4, 5, 6; Am 8:1, 3, 9, 11; Am 9:8; Ob 1; Miq 1:2; Sof 1:7; Za 9:14.

A expressão Yehwíh ’Adho·naí, “Jeová, o Soberano Senhor”, é encontrada cinco vezes na BHK e na BHS, a saber, em Sal 68:20;  109:21;  140:7;  141:8; Hab 3:19.

A expressão ’Adho·naí Yehwíh tseva·’óhth, “Soberano Senhor, Jeová dos exércitos”, é encontrada 16 vezes na BHK e na BHS, a saber, em Sal 69:6; Is 3:15;  10:23, 24;  22:5, 12, 14, 15;  28:22; Je 2:19;  46:10;  49:5;  50:25, 31; Am 9:5.

’Adho·naí não é um nome de Deus como repetem muitos. De acordo com as Escrituras, Deus possui apenas um nome distintivo, a saber, Jeová, vertido Javé em algumas traduções da Bíblia.

“Eu sou Jeová, este é o meu nome” (Isaias 42:8)

 

É importante usar o Nome distintivo de Deus hoje ou tanto faz usar o Nome ou substitutos de uso comum tais como “Senhor” e “Deus” ou ainda “nosso Pai” ?

Quem é Deus?

Honre o Grande Nome de Jeová

OBSERVE COMO O NOME DE DEUS FOI REINTEGRADO NO NOVO TESTAMENTO EM DIVERSAS VERSÕES DA PALAVRA DE DEUS PRODUZIDAS POR ERUDITOS RESPEITADOS

Nova Biblia King James Restaura o Nome Divino

Both comments and trackbacks are currently closed.

Comentários

  • sergio eugenio de oliveira e silva  On 10 de março de 2012 at 22:06

    essa explicação foi a mais detalhada que eu ja ouvi, por favor quando puder me mande mais informaçoes sobre esse assunto e outros tambem!!!! obrigado pb.sergio itaperuna rj!!! abraços!!!!

  • Saga  On 25 de julho de 2012 at 5:53

    “A palavra hebraica ’Adho·naí, sem um sufixo adicional, sempre se refere ao Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo , denotando seu soberano poder.”

    Aqui diz sem um sufixo adicional é sempre referente a Deus, quer dizer que SEM O SUFIXO adicional existe algum texto no hebraico que se refere a outro com uma palavra quase igual?

    • queruvim  On 25 de julho de 2012 at 16:26

      Entendo que devido as variações destas foi então tecido o comentário acima. Que é um pouco difícil de entender até mesmo para os que estão familiarizados com a leitura do hebraico. A verdade é que nem mesmo tradutores entendem este assunto. Eruditos tem falhado em explicar este assunto com clareza. Imagine leigos e pastores!

      Existe algum texto no hebraico que se refere a outro com uma palavra quase igual?

      Sim, a forma adonai difere de adonaí (Gên. 18:31), sendo a primeira usada com referencias a humanos. (Gên.19:2).

      Contudo, somente os pontos adicionados pelos massoretas nos ajudam a distinguir a diferença sutil que outrora era evidente na pronúncia praticada pelos judeus da antiguidade.

      A forma singular desta palavra é Adon (אדון) que significa “Senhor” ou “Amo”
      A forma acima acrescida do sufixo “meu” (אדנִי) vira “meu senhor”.
      A forma pluralde Adon ou seja, “Adonim”(אדנים)lit. “meus senhores” assim como as demais acima são usadas com referência a não deuses.

      Quando o plural Adonim recebe um sufixo possessivo na primeira pessoa do singular, temos a palavra Adonai que literalmente significa “Senhor dos senhores” ou “Soberano Senhor”.Entendo que seja o o excellentiæ do plural, o magnitudinis, ou o majestatis do plural. Plural majestático soa melhor em português claro. Possui uma vogal longa( Adon) diferente da vogal curta em adonai. O Dicionário de Deidades (Em Inglês) confirma isto na página 531.

      Também “A acentuação mais longa de Adon remonta a preocupação dos massoretas em destacar a palavra como sagrada por meio de um pequeno sinal externo” (Theological Dictionary of the OT, “Adon,” p. 63 and Theological Dictionary of the NT, III, 1060ff. n.109).

      A palavra Adonaí diferente do que afirma a wikipedia não é uma “substituto perpétuo a ao tetragrama” uma vez que aparece antes deste em muitas das vezes que ocorre no texto massorético. (Apesar que algumas das ocorrências sejam substituições indevidas do tetragrama feitas pelos massoretas).

      Espero que esta explicação tenha ajudado um pouco!

      Att.

      Queruvim

  • Lord Saga  On 14 de novembro de 2012 at 0:24

    ” queruvim Em julho 25, 2012 às 4:26 pm – Sim, a forma adonai difere de adonaí (Gên. 18:31), sendo a primeira usada com referencias a humanos. (Gên.19:2). Contudo, somente os pontos adicionados pelos massoretas nos ajudam a distinguir a diferença sutil que outrora era evidente na pronúncia praticada pelos judeus da antiguidade.

    A forma singular desta palavra é Adon (אדון) que significa “Senhor” ou “Amo”
    A forma acima acrescida do sufixo “meu” (אדנִי) vira “meu senhor”.
    A forma plural de Adon ou seja, “Adonim”(אדנים)lit. “meus senhores” assim como as demais acima são usadas com referência a não deuses.
    Quando o plural Adonim recebe um sufixo possessivo na primeira pessoa do singular, temos a palavra Adonai que [...] significa [...] “Soberano Senhor”.
    Possui uma vogal longa( Adonaí) diferente da vogal curta em adonai.

    “A acentuação mais longa de Adonaí remonta a preocupação dos massoretas em destacar a palavra como sagrada por meio de um pequeno sinal externo” ”

    Traduções hebraicas modernas do Novo Testamento -provavelmente feita pela cristandade ou por messiânicos- costumam usar “adonai” ou “adonaí” para se referir ao Senhor Jesus? Já que le muitas vezes é chamado de Kyrios no grego

  • Marcelo  On 8 de janeiro de 2013 at 1:17

    Explicação nota 10

    Sem palavras…

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 260 outros seguidores