Conferência Católica discute sobre o aumento das Testemunhas de Jeová


O que leva tantas pessoas a se tornarem Testemunhas de Jeová? Esta foi a pergunta feita por alguns clérigos, como mostrado pelas seguintes citações.

Por exemplo, anos atrás em Bolonha, Itália, as autoridades eclesiásticas, com a aprovação do papa, realizaram uma conferência para discutir maneiras de combater o sucesso das Testemunhas de Jeová. A Igreja Católica levantou um “grito de alarme”, segundo o jornal La Republica, porque a cada ano dez mil católicos tornam-se Testemunhas de Jeová. O Jesuíta Giuseppe De Rosa disse que “do ponto de vista religioso os mais perigosos são as Testemunhas de Jeová. Eles vêm completamente treinados, e têm sempre a Bíblia na mão.” ( Periodico gesuita La Civiltà Cattolica, editoriale nel numero del 18 febbraio 1984)
bishops conference
Em um artigo que trata especificamente das Testemunhas de Jeová, a revista jesuíta La Civiltà Cattolica disse:
“A primeira razão para a disseminação deste movimento são as técnicas de propaganda [isto é, na pregação]. Por um lado, o trabalho é minucioso, realizado de casa em casa por pessoas que são escrupulosamente treinadas neste trabalho, e estão profundamente convencidos […]”
“A segunda razão para o sucesso das TJs é a força de atração da mensagem de Jeová, porque pode satisfazer as necessidades, demandas e expectativas do povo do nosso tempo. Em primeiro lugar, responde à necessidade de certeza, que é muito apreciado num momento em que tudo é incerto e instável. […] Acima de tudo, é uma revelação absolutamente segura do futuro e, portanto, todos os que a aceitaram, experimentam libertação do medo e da ansiedade e podem enfrentar o futuro com alegria, com a garantia de que sobreviverão à destruição que virá no grande dia de julgamento de Deus sobre um mundo perverso, para viverem em eterna felicidade na Terra. Em segundo lugar, a mensagem de Jeová ajuda a superar a preocupação do indivíduo contra os ais deste mundo, anuncia que em breve findará a situação insuportável de hoje e, em breve, por isso, haverá uma nova era, nascerá um novo mundo no qual serão removidos todos os ímpios que agora triunfam. […]”
“A terceira razão para o sucesso das TJs é que esse movimento dá aos seus membros uma identidade precisa e forte, e é um lugar onde eles foram recebidos com calor e um sentimento de fraternidade e de solidariedade.” O documento do Vaticano analisou as necessidades das pessoas na atualidade, e as citações acima da revista jesuíta La Civiltà Cattolica mostraram que a mensagem das Testemunhas de Jeová satisfazem essas necessidades. Isto também mostrou o escritor católico Vittorio Messori no seu recente livro Scommesse sulla morte (uma aposta sobre a morte), que escreve: “Faz-nos pensar que, as Testemunhas de Jeová, é uma das confissões religiosas de mais rápido crescimento no mundo. Está entre as religiões que são praticadas em muitos países e, talvez […] esteja em primeiro lugar em termos de fervor, zelo, ativismo, a capacidade de fazer prosélitos “.
“E a sua presença, cada vez mais acentuada, não se limita aos países de tradição cristã, mas alcançando o mundo inteiro, onde, em nome de Jeová, e em pouco tempo, obtêm resultados que são superiores aos dos missionários católicos, protestantes e ortodoxos, que têm trabalhado ao longo dos séculos.”
“Esta impressionante força expansiva se faz incompreensível somente para aqueles que simplesmente não querem admitir que […] evidentemente no modo como entendem a Bíblia, as Testemunhas de Jeová satisfazem as necessidades reais que outras teologias não satisfazem”.
“Você não pode contornar a questão sugerindo que o crescimento das testemunhas se dá porque elas assustam as pessoas. É precisamente o oposto: ao contrário das igrejas “oficiais”, negam a existência do inferno e pregam a destruição, o desaparecimento após a morte para os ímpios e incrédulos. Talvez esta seja uma perspectiva desagradável, mas certamente menos assustador do que a ameaça de uma terrível dor por toda a eternidade. “
Sim, o Deus das Testemunhas de Jeová é um Deus amoroso, e não um que aterroriza o povo. A citação seguinte é da revista católica Mondo ERRE de Março de 1986:
“É preciso dizer que as Testemunhas de Jeová são os primeiros a viver a fé que pregam: Não se iram, não fumam, não acumulam riquezas, se mantêm fora das discussões políticas, […] pagam impostos. Eles vivem uma vida virtuosa e honesta, eles são felizes e úteis. Tudo isso tem feito com que as pessoas as apreciem”

OBS.: Esta notícia veio à tona a algum tempo. Alguns estão renomeando e colocando a foto do papa Francisco. Isso é errado. Várias destas citações são artigos de alguns anos atrás publicados nas referidas revistas. Teve ampla circulação na época, mas algumas das declarações com as fontes originais sequer aparecem na internet por serem mais antigas.

Testemunhas de Jeová — Quem somos nós?

Trackbacks are closed, but you can post a comment.

Comentários

  • Thales  On 9 de fevereiro de 2015 at 13:08

    Recentemente me deparei com um senhor com idade avançada lendo dentro do ônibus o livro: O que realmente a Bíblia ensina ?

    Perguntei pra ele o que ele estava achando do livro, ele me olhou
    com uma cara de pesar e disse:

    ‘Porque eu não fiquei sabendo disso antes, frequento igrejas a décadas e não sabia disto.’

    Muitos ao se deparar com o verdadeiro ensino das escrituras tem o mesmo
    sentimento. Mais é claro, em suas igrejas são psicologicamente obrigados a
    darem o dinheiro contado das necessidades básicas de casa para os “espertos” lideres religiosos, com perspectiva de vida no céu para os dizimistas fiéis e uma vida de terror eterno para os que não pagam.

    Curtir

  • Manoel  On 9 de fevereiro de 2015 at 14:19

    Eu gostaria dos links para o site da CNBB. Digitei nos campos de busca de não consegui achar nada…

    Curtir

  • Alexei  On 9 de fevereiro de 2015 at 17:02

    “Você não pode contornar a questão sugerindo que o crescimento das testemunhas se dá porque elas assustam as pessoas. É precisamente o oposto: ao contrário das igrejas “oficiais”, negam a existência do inferno e pregam a destruição, o desaparecimento após a morte para os ímpios e incrédulos. Talvez esta seja uma perspectiva desagradável, mas certamente menos assustador do que a ameaça de uma terrível dor por toda a eternidade. “

    A revista católica está de parabéns pela honestidade. Fico feliz em ver que ainda existe isenção em alguns meios de comunicação, ainda mais sendo religiosos.
    Concordo com o enunciado acima. Em minha cidade, em Alagoas, as igrejas estão cheias, porém, por um objetivo não muito nobre. A pregação que barulhentamente é feita, focaliza apenas no medo, no pavor do tormento eterno. Tal forma de pregação já começa induzindo a pessoa a “aceitar a salvação” na base da chantegem. O motivo principal de se servir a Deus deveria ser, de início, a sua gratidão ao Criador pela sua misericórdia e amor leal, entretanto, pelos motivos acima, induz os indivíduos a buscar unicamente por motivos unicamente egoístas (outro motivo, além de fugir do castigo é o de conseguir “bençãos”!).
    É um terrorismo psicológico. Não é a toa que a obra por aqui demora um pouco mais. Esse tipo de pregação cheia de terrorismo emocional, afasta as pessoas da verdade. Se os índices de analfabetismo são altos aqui no Nordeste, essa ameaça em nome de Deus aumenta a alienação da pessoas.
    É como Jesus disse: Nem entram e impedem os que estavam a caminho de entrar. Mateus 23:13.
    O ensino desarrazoado do tormento é cruel e infame. Como poderia uma pessoa que vive tendo esse peso sobre suas cabeças conseguir desenvolver qualidades baseadas em sua relação com Jeová? O temor é uma restrição para que o indivíduo não venha a ser aperfeiçoado pelo amor (1 João 4:18)
    Lamentável. Mas como diz um antigo provérbio: “A ignorância é vizinha da maldade”.
    O bom de tudo isso é saber que nada vai impedir Jeová de divulgar seu propósito amoroso para toda a humanidade. Cada vez mais percebo o Reino sendo proclamado em toda a terra habitada. Verdadeiramente, “o conhecimento de Jeová há de encher a terra assim como as águas cobrem o próprio mar.”

    Curtir

  • Saga  On 10 de fevereiro de 2015 at 0:20

    Gostei do estudo da Sentinela aplicando a parábola do fermento, quem sabe antes do fim não podemos ser surpreendidos por um misterioso aumento inesperado e surpreendente na nossa obra?

    Curtir

  • Saga  On 10 de fevereiro de 2015 at 0:28

    Giuseppe De Rosa: “Do ponto de vista religioso os mais perigosos são as Testemunhas de Jeová. Eles vêm completamente treinados, e têm sempre a Bíblia na mão.”

    É preciso lembrar que o encontro foi pra pensar em formas de nos barrar, certo? Então ão se deixem levar por alguns elogios, que o interesse por trás é impedir mais católicos de se converterem ou se possível for trazer alguns membros de volta a ICAR, eles acham isso difícil por isso disseram que “Os mais perigosos do ponto de vista religioso são as TJ”, parecem achar mais fácil o confrontamento com os protestantes.

    Curtir

  • Queruvim  On 10 de fevereiro de 2015 at 14:57

    Não é tão recente esta notícias, ja faz algum tempo que foi divulgada.

    Curtir

  • Yossef  On 10 de fevereiro de 2015 at 20:49

    O “confrontamento com os protestantes” se existe, realmente e mais fácil. O motivo? Ora, as denominações protestantes na realidade são consideradas pelos católicos como parte do próprio catolicismo romano (visão ecumênica).

    Segundo o site Universo Católico (vide abaixo), as Jehovah Witness, no Brasil, e uma exceção dentre os demais movimentos pseudo-cristãos que, indiscutivelmente, devem ser rebatizadas, caso se converta a ICAR. O motivo é único, por rejeitarem o dogma trinitário.

    Interessante e que a conversa entre Católicos e Judeus assume outro nome: “Diálogo Católico Judaico” enquanto as Jehovah Witness são tratadas como “perigosas”. Mas creio que vocês não devem se preocupar tanto não. Acredito que não haverá nenhuma “Santa Inquisição” contra as JW’s.

    •Fonte:[http://www.universocatolico.com.br/index.php?/quais-sao-os-batismos-validos-e-invalidos.html]

    Curtir

  • luiz mauro dos santos chalegre  On 11 de fevereiro de 2015 at 10:41

    O título da manchete é muito bom. No entanto, como estudioso das religiões devo perguntar: l- Onde aconteceu a conferencia ? 2 – Em que data foi
    publicada a revista dos jesuitas ? Sem isso, a matéria carece de veracidade .
    Que a Igreja Romana está preocupada com o crescimento do protestantismo, não resta dúvida. Gostaria de receber informação.

    Curtir

  • O Estudante  On 11 de fevereiro de 2015 at 12:23

    Concordo com vc Saga.
    Vi e li muitos comentários de irmãos que ficaram alegres pelos “elogios”.
    Desde de o início percebi que a ICAR reconhece nossa obra, mas ve nosso crescimento como ameaça a Igreja.

    Mostraram imparcialidade na matéria, mas ficou evidente a preocupação em fazer esforços para não perder adeptos.

    Curtir

  • Queruvim  On 11 de fevereiro de 2015 at 14:28

    Este assunto foi publicado até mesmo nas revistas oficiais das Testemunhas de Jeová em artigos de alguns anos atrás. Quanto a sua indagação sobre datas, as palavras do Jesuita aparecem no Editoriale del 18 febbraio 1984 de La Civiltà Cattolica. Alguém renomeou esta coletânea de citações e colocou a foto do Papa Francisco.Isso não é correto. Não concordo com a afirmação de que, por exemplo, as pessoas/revistas citadas “carecem de veracidade”. Eu diria que alguns pontos mencionados carecem de VERIFICABILIDADE. Ainda assim, estou certo de que foi notícia ha alguns anos.

    Curtir

  • Jeosadá  On 11 de fevereiro de 2015 at 15:00

    A ICAR deveria antes de mais nada olhar para o proprio corrompimento interno. Padres que dão a bênção a homossexuais, a divulgação da teologia da Libertação e o envolvimento com governos humanos.

    Como diria Jesus: Tire primeiro a trave do teu olho! (Mar. 7:5)

    Não somos PROTESTANTES.
    Não somos uma variante separada do Dogma Católico.
    Antes, somos a restauração do verdadeiro cristianismo.

    Curtir

  • Saga  On 11 de fevereiro de 2015 at 16:50

    Eu não sei se essa fonte é válida (http://www.universocatolico.com.br/index.php?/quais-sao-os-batismos-validos-e-invalidos.html), eu nunca tinha ouvido falar que batismos evangélicos valiam como sacramentos válidos pra Igreja Católica, e ele incluiu até mesmo os adventistas! (Já os ortodoxos e os anglicanos é normal, sempre foram muito católicos em seus costumes e tradições)

    Qual Papa apoiou isso? Desde quando? De toda forma, é interessante que o critério para o ecumenismo é a Trindade.

    Curtir

  • Queruvim  On 11 de fevereiro de 2015 at 17:12

    E diz que o Batismo das TJ ..esse sim não é válido kkkkkkkkkkkkkkk

    Curtir

  • Alexandre  On 11 de fevereiro de 2015 at 19:31

    Como a igreja decide que batismo é válido ou não, se eles nem sequer mergulham a pessoa, acaso jogar uma aguinha na cabeça é um batismo válido?

    Curtir

  • Nilson Rocha  On 12 de fevereiro de 2015 at 14:39

    Já pensei muito nisso saga,um aumento que vai deixar os apostatas espantado,pois alguns deles afirmam que a nossa obra não tem um efeito tão esperado assim pois segundos eles o aumento é pouco em comparação de outras( não levam em conta a qualidade da adoração e só a quantidade),quem sabe o que pensamos não acontecerá.

    Curtir

  • Nilson Rocha  On 12 de fevereiro de 2015 at 14:46

    Yossef,eu até costumo dizer que o protestantismo é um catolicismo “geneticamente modificado” as igrejas chamadas evangélicas com poucas exceções praticam um “cristianismo” sem responsabilidades inclusive moral,é só ir a igreja pular gritar,cantar coisa do tipo.Uma verdadeira estrada larga.

    Curtir

  • Victor DB  On 12 de fevereiro de 2015 at 23:00

    Rapaz, a referencia mais antiga que achei foi essa que tava na fonte: http://emportofeliz.blogspot.com.br/2011/11/conferencia-catolica-discute-sobre-o.html

    Ja no site CNBB não se encontra mais, acho. Mas por esse blog que citei ser católico, fica como mais uma evidencia para corroborar esse seu post.

    Curtir

  • Rosangela Aguiar  On 21 de maio de 2016 at 12:10

    2+2=4 … a verdade é absoluta. Independe de crença, ou ponto de vista pessoal!!!

    Curtir

  • Wilsilene Rocha de Assis santiago  On 7 de junho de 2016 at 20:11

    As Testemunha de Jeová pregam a verdade, não enganam as pessoas, usam a bíblia. Não falam coisas sem sentido mas falam e provam com a bíblia e não obrigam ninguém a serem Testemunhas de Jeová. Ensinam a verdade sobre Jeová e Jesus e as pessoas depois de aprenderem, decidem se se tonam uma testemunha de Jeova. E não há outra verdade. E a cada dia os sinceros serão atraídos pela verdade de Jeová e de seu filho Jesus…

    Curtir

  • Fátima E.T.Bosco  On 16 de junho de 2016 at 20:43

    Maravilhosa essa notícia.As testemunhas de JEOVÁ tem respostas às nossas dúvidas e perguntas.Suas respostas são mostradas nos Cap.e vers.da bíblia. Minuciosamente explicadas e sempre e corretamente à luz da Palavra de DEUS.É edificante é libertadora a verdade de PALAVRA. Realmente esclarece,sem mentiras,sem engodos e enganação. O verdadeiro conhecimento de aprende com as Test.de JEOVÁ.Sou muito grata pelas irmãs e irmãos que andam de casa em casa levando o conhecimento e salvando vidas através da Verdade.Verdade da Palavra que conduz a Vida Eterna.DEUS JEOVÁ está na Verdade.

    Curtir

  • Geraldo  On 24 de junho de 2016 at 22:40

    MAGNIFICA, TODAS ASRESPOSTAS

    Curtir

  • Miro  On 27 de junho de 2016 at 7:31

    Eu não sei se isso é realmente verdade , mas se for é ótimo , o fato e que toda a minha família era católica Hoje só meus pais se mantém na religião , meus irmãos fazem estudo da bíblia com as testemunhas de Jeová outros simplesmente desacreditou na igreja , como eu disse eu sou um exemplo dessa migração, Hoje sou publicado não batizado e quero mim batizar o mais rápido possível.

    Curtir

  • duraes  On 27 de junho de 2016 at 19:00

    en mateus 24´]14 diz gue estas boas novas seria pregada. en toda terra abitada entao vira o fim.entao ja esta sendo pregada en mais de 200 terras ou paises entao,podemos dizer gue as professias esta si comprindo as testemunhas de jeova niguem vai enpedir.nen o carasco adolfo ritleer comseguiu.parar esta obra tao enportante hoje na terra

    Curtir

  • Paulo  On 30 de junho de 2016 at 18:05

    Como adquirir uma bíblia dessa?

    Curtir

  • Queruvim  On 1 de julho de 2016 at 20:48

    Encontre um local para adquirir perto de você neste link

    Curtir

  • Taty  On 1 de julho de 2016 at 22:18

    Paulo vc consegue baixar em nosso site http://www.jw.org/pt inclusive em áudios, lá tbm vc encontra vários vídeos educativos.
    Caso queira um exemplar da bíblia, sempre passamos, vc pode nos pedir, será um prazer para nós poder te atender.

    Curtir

  • John  On 22 de julho de 2016 at 16:30

    Gostei de saber dessas informações q necessariamente confirmam q nós levamos a verdade do Caminho

    Curtir

  • Fadel  On 23 de julho de 2016 at 17:24

    Paulo, se voce tem uma biblia em casa, pode aprender através dela mesmo. Desde que estude com uma tj e observe a instrução biblica através dos capitulos e versiculos citados. Eu mesmo faço um estudo biblico com uma pessoa usando sua própria biblia que por sinal é uma tradução católica da pastoral. Fadel

    Curtir

  • Mainá  On 5 de agosto de 2016 at 15:52

    Fico emocionada pq é o nome de nosso Deus Jeová que está recebendo a glória que merece pois somos apenas barros em suas mãos e ele de maneira maravilhosa nos capacita a realizar coisas grandiosas e tudo isso é mais uma vez a prova do grande amor 💓 de Jeová por todos nos.

    Curtir

  • Verô ica Holanda B. Uchôa  On 7 de agosto de 2016 at 16:36

    Foi de muita valia e esclarecedor para mim, que estou estudando com as Testemunhas de Jeova e quero muito me batizar e poder levar o nome de Testemunha do Criador Jeova. Quando este dia chegar, será um privilégio e motivo de muita emoção e alegria na minha vida!

    Curtir

  • Lídia Moreira  On 7 de agosto de 2016 at 22:28

    Respeito e admiro as Testemunhas de Jeová pela sua dedicação e postura na sociedade ( com falhas, como é óbvio, porque ninguém é perfeito ) lutam pela paz , são pessoas pacíficas, serenas e conhecem a bíblia como ninguém. Ao contrário do que li logo no início, as pessoas não são rigorosamente treinadas ( não existem treinos mas sim o estudo da Bíblia. Os Padres sim, esses são treinados durante anos.

    Curtir

  • Dieime  On 23 de agosto de 2016 at 15:07

    Simplesmente Amo servir ao Deus altíssimo….um Deus feliz e amoroso….Amo ser Testemunha de Jeová…..

    Curtir

  • José Roberto de Oliveia  On 4 de setembro de 2016 at 21:24

    se cumpre nestes dias Isaías 6022… o pequeno se tornará mil.. uma nação forte.

    Curtir

  • Tiago padovani anacleto  On 13 de novembro de 2016 at 10:36

    È sou da congregação crista no Brasil, e vejo que não é só a testemunho de jeova que tem o amor e que segue a doutrina conforme é ensinado. na CCB a coleta é voluntaria, ninguem ganha salirio para pregar a palavra, as irmas faz o uso do véu e se saudamos com osculo santo como esta escrito biblicamente e onde a palavra e orações são reveladas pelo espirito santo e não estudado para ser pregada, tanto que na CCB muitos irmaos que prega a palavra nao tem estudo algum.

    Curtir

  • maria  On 30 de novembro de 2016 at 15:53

    Esse reconhecimento feito pela igreja católica,mostra claramente jeova Deus tem ensinado as verdades bíblicas para o seu povo,e do pequeno, seu povo se tornou uma nação forte!!

    Curtir

Comments in english allowed! Não serão permitidos comentários de opositores ou pessoas que querem debates sem fim. EVITE FUGIR DO TEMA DA PÁGINA OU FAZER flooding de informações. Isso é coisa de gente desonesta e que quer confundir. Discordar não é problema, mas fazer oposição com zombaria desrespeito e trollagem não são aceitos nesta página. Ao postar nesta página você estará concordando com isso! Não é permitido a participação de APÓSTATAS nos comentários desta página. Em outras palavras, críticas e discordâncias são aceitas e até mesmo postadas, mas não “espírito de oposição”. Isto se dá em vista do claro mandamento bíblico para que “os eviteis” Romanos 16:17.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s