Satanás, a Maçonaria e a Igreja Batista


Por Queruvim

O demônio participou ativamente na formação e organização da Igreja Batista no Brasil.  Como sabemos muito bem, o espiritismo em suas variadas formas é condenado nas Escrituras Sagradas. Isso inclui a prática da maçonaria. Este artigo vai provar que a maçonaria esteve diretamente envolvida na fundação da Igreja Batista no Brasil. 

A maçonaria mina a confiabilidade na Bíblia Sagrada e dilui verdades fundamentais. Assim como o espiritismo, promove o ensino da imortalidade da alma. É uma forma disfarçada e dissimulada de espiritismo. Assim como o Islã se disfarça de religião, mas possui um forte conteúdo ideológico inerente de dominação política, a maçonaria se disfarça de “sociedade secreta e filosófica, filantrópica” mas não passa de uma iniciação à práticas espíritas. Observe como a filantropia é algo em destaque em terreiros de umbanda e em lojas maçônicas.

De uns 15 anos para cá, tenho observado alguns opositores das Testemunhas de Jeová, afirmarem de boca cheia que as Testemunhas de Jeová tiveram uma ligação com a maçonaria. De tanto se ocuparem com a vida alheia e mentirem repetindo essa acusação, se esqueceram de olhar para o seio de suas próprias denominações chamadas “evangélicas” e que professam o “cristianismo”. Certo site evangélico afirma que “se você for membro da 1º Igreja Batista, ou alguma de suas ramificações, então, a igreja que você é membro foi fundada originalmente pela maçonaria.

Em Setembro de 1871, um grupo de americanos refugiados no Brasil, fundou a Primeira Igreja Batista, na cidade de Santa Barbara d’Oeste, em São Paulo. Liderados pelo missionário Richard Ratcliff , que mais tarde se tornaria pastor da igreja. Registros apontam que esse grupo de missionários, foi financiados pela maçonaria.”

 

Pelo menos 3 anos depois, em 1874, um grupo com 8 batistas fundaram a loja maçônica “George Washington”, desses, 5 participaram diretamente da fundação da primeira igreja Batista três anos antes. Entre eles estava o Pr. Robert Porter Thomas.

O Livro “Centelha em Restolho Seco uma contribuição para a história dos primórdios” – de Betty Antunes de Oliveira, Edição da Autora, Rio de Janeiro (RJ), 1985, revela a importância da maçonaria nos primeiros trabalhos batistas no Brasil. O livro também conta que os missionários Daniel Berg  e Gunnar Vingreen, ambos fundadores da Assembleia de Deus, receberam apoio de um pastor Batista, que era maçom e que a maçonaria contribuiu financeiramente na estadia dos missionários em seus primeiros dias no país.

 

A 2ª Igreja Batista no Brasil, foi fundada em 02/11/1879 pelo Pr. Elias Hoton Quillin, também membro da maçonaria.

“Apesar da participação da maçonaria na implantação da Primeira Igreja Batista no Brasil, não ficar claro nos registros oficiais divulgados pela igreja, é indiscutível a presença de pastores que sejam maçons, na alta cúpula da igreja.”  Fuxico Gospel


 

Tudo isso pode ser confirmado pelo site Oficial da Maçonaria no link abaixo:

A 1ª IGREJA BATISTA DO BRASIL FOI FUNDADA POR MAÇONS. 

Anúncios
Os comentários estão desactivados, mas pode deixar um trackback: URL do Trackback.