Agressor de Bolsonaro NÃO TEM NADA A VER com as Testemunhas de Jeová


Ao ler este artigo verá que tentar ligar as Testemunhas de Jeová ao caso de agressão de Bolsonaro não passa de uma tentativa de macular a honra e a dignidade da religião mais séria que existe ou quem sabe, desviar o foco dos verdadeiros culpados deste ato de agressão!

 

 

“É filantropia”, disse Oliveira Júnior, afastando boatos de que partidos políticos estivessem por trás de sua contratação, “Eu não sei por meio de qual igreja eles se conhecem, Adelio tem conhecidos que são Testemunhas de Jeová, mas não tenho certeza se a pessoa que me contratou é Testemunha de Jeová“. FOLHA DE SÃO PAULO

 

Perceberam que o mesmo advogado que disse ontem que a defesa do agressor de Bolsonaro foi contratada por uma pessoa “que é Testemunha de Jeová”, alega agora que ‘não tem certeza disso’.  Que paspalhice ligar as TJ com psicopatas comunistas.

Nas últimas horas, sites e a mídia em geral no Brasil tem espalhado como fogo, na internet, a falsa notícia de que as Testemunhas de Jeová estão de alguma forma ligadas a um ativista político que atacou de forma covarde o Deputado e candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro. Alguns chegaram a afirmar que as motivações do agressor Adelio Bispo de Oliveira foram entre outras “religiosa….ele seria segundo o advogado, Testemunha de Jeová”. Sites de opositores das Testemunhas de Jeová já estão trabalhando arduamente no sentido de propagar estas falsas informações! Não descansam a menos que caluniem ou ridicularizem as Testemunhas de Jeová! Apocalipse 12:10 João 8:44

 

Uma história mal contada se espalhando. Isto se dá em vista do ódio generalizado e preconceito contra as Testemunhas de Jeová

O Site o Antagonista, o Globo entre outros estão simplesmente replicando o boato de que o agressor seria ligado às”Testemunha de Jeová”. Neste momento, milhares de blogs e sites na internet estão repetindo a mesma mentira. Alguns sites estão afirmando que “um fiel da Igreja Testemunhas de Jeová contatou um advogado para defender o agressor de Bolsonaro”, outros sites estão dizendo que foram as próprias Testemunhas de Jeová, isto é, a organização que fez isso. Existe na verdade um desespero da parte de pessoas que odeiam as Testemunhas de Jeová, no sentido de ligá-las a qualquer coisa que pareça desfavorável.

A Organização de Jeová já se manifestou e afirmou que ‘ninguém na família do agressor é TJ e as TJ não tem qualquer ligação com o caso envolvendo uma suposta contratação de advogados.’ Essa informação será considerada em todas as Congregações das Testemunhas de Jeová do Brasil em uma breve nota enviada diretamente do Escritório da Filial.

 

 

 

 

Veja em primeira mão uma cópia do inquérito Policial e o que este diz:

INQUÉRITO POLICIAL 0475/2018-4 CLASSE: 15202 – PROC COMUM / JUIZ SINGULAR AUTOR: DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL RÉU: ADÉLIO BISPO DE OLIVEIRA
TERMO DE AUDIÊNCIA

agressor de bolsonaro

“(…)Que perguntado sobre a motivação religiosa, esclarece que recebeu uma ordem de Deus para tirar a vida de BOLSONARO, haja vista que, embora ele se apresente como evangélico, na verdade não é nada disso; … “

 



Talvez eu poste maiores informações!

Queruvim


 


Tagarelice, calúnia

Anúncios
Os comentários estão desactivados, mas pode deixar um trackback: URL do Trackback.