Testemunhas de Jeová na Rússia que dizem não ao serviço militar enfrentam grandes problemas


Objetores de consciência Testemunhas de Jeová enfrentam dificuldades

O COMISSÁRIO MILITAR DO TERRITÓRIO DE KHABAROVSK DECLARA QUE A REALIZAÇÃO DE SERVIÇO ALTERNATIVO PELAS TESTEMUNHAS DE JEOVÁ NA FEDERAÇÃO RUSSA “NÃO SERÁ SEQUER CONSIDERADO”.

Portal-Credo.ru, 28 de dezembro de 2017

O comissário militar do território de Khabarovsk, Nikolai Glinin, em uma entrevista publicada em 27 de dezembro pela agência de notícias “Território Khabarovsk Hoje” declarou que a declaração dos membros da organização religiosa das Testemunhas de Jeová, que está proibida na FEDERAÇÃO RUSSA, para a realização de serviço militar alternativo com base em razões religiosas não será levado em consideração e eles realizarão o serviço militar junto com os outros conscritos.   A uma pergunta de um correspondente da Agência de Notícias KhKS: “A decisão do Supremo Tribunal da Rússia sobre a proibição da seita das Testemunhas de Jeová afetará a possibilidade de jovens adeptos desse ensino realizarem serviços alternativos?” O funcionário respondeu: “Não há nenhuma seita – não há problemas! Se um conscrito declara seu desejo de realizar um serviço alternativo, citando sua participação nesta organização que está proibida na Rússia, nem vamos considerar tal pedido”. (por PDS, postado em 28 de dezembro de 2017)

Fonte: http://www2.stetson.edu/~psteeves/relnews/171228a.html
Anúncios
Os comentários e os trackbacks estão atualmente desativados.