Silas Malafaia, Pastor Evangélico no Brasil se contradiz


Um pastor evangélico no Brasil, bastante conhecido, desafia as pessoas a demonstrar que ele está errado ao promover a chamada “Teologia da Prosperidade”. Ocorre porém, que este mesmo indivíduo pregava justamente contra esta teologia. Observem o vídeo e postem seus comentários! Apreciaria que os defensores desta teologia “da pro$peridade” se manifestassem. Afinal é bíblica a doutrina que sugere que dando bastante dinheiro para a igreja você prosperará economicamente? Procurem respeitar o pastor e todos os que pregam igual ou não a ele. Boa pesquisa!

 

Trackbacks are closed, but you can post a comment.

Comentários

  • Kleo  On 23 de novembro de 2016 at 15:27

    Primeiro erro da doutrina da prosperidade: Cobrar dízimo baseado em Malaquias 3:10. O dízimo fazia parte de um conjunto de leis única e exclusivamente de uma nação, “Israel”.
    Os CRISTÃOS não tem obrigação de dar dízimo. Se algum dizimista se opõe a isso,mostre nas Escrituras Gregas ( novo testamento) uma ordem aos cristãos de dar dízimos na congregação cristã.
    Isso em si já basta para mostrar que esses charlatães querem.
    Mas, sabendo que é tipo uma oferta que essas pessoas dão, para poderem como que EXIGIR a Deus algo de volta, vamos ver o que a Bíblia diz sobre tal doutrina.
    Bases bíblicas contra essa doutrina da prosperidade :
    Mateus 6:19-21- Parai de acumular para vós TESOUROS sobre a terra…;
    Mateus 6:24,25-… Não podeis servir a Deus e as riquezas… ;
    Lucas 12:15-… porque a vida de um homen não consiste na abundância dos “BENS” que possui;
    Marcos 12:25- é mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha do que um RICO entrar no Reino dos céus.

    Vejamos os contrastes entre a doutrina da prosperidade e os ensinamentos de Cristo :

    -Jesus ensinou aos seus seguidores :
    Não acumulem bens na terra,a não ser para repartir com os necessitados.

    -Ensino da doutrina da prosperidade :Quanto mais bens você acumular para si mesmo, maior será o sinal da bênção de Deus na sua vida.

    Jesus prega:
    Devemos viver contentes com o que temos.
    Doutrina da prosperidade :

    Não devemos nos contentar com pouco.

    Jesus:
    Os pobres são bem aventurados Lucas 6:20,Tiago 2:5.
    Pobreza é escravidão e ser pobre é pecado.
    O interessante é que só os líderes é que enriquecem kkkkkk.
    Serumaninhos inocentes kkkk.

    Curtir

  • Jones Kecio  On 25 de novembro de 2016 at 10:03

    What are the supposed bases of the theology of prosperity? What do their proponents argue? And what do their critics say?

    Curtir

  • Lucia  On 25 de novembro de 2016 at 12:15

    Sou evangélica, e não vou defender e nem atacar a teologia da prosperidade, e também não vou atacar a religião do autor desse artigo.

    Mas quero lembrar-lhes que não há nada de errado em mudar de opinião, nada de errado em ensinar uma coisa, descobrir que está errado e depois ensinar outra. VOCÊ faz isso, SUA religião FEZ isso.

    Portanto, antes de criticar um cisco nos olhos dos outros, tire a trave do seu.

    Curtir

  • Pragal TNM  On 25 de novembro de 2016 at 14:06

    Parabéns pela suas palavras “não há nada de errado em mudar de opinião, nada de errado em ensinar uma coisa, descobrir que está errado e depois ensinar outra”.
    Mudar pra corrigir um erro, e não absorver outro erro.

    Eu devolvo a pergunta a você: Onde está escrito que temos que cobrar de Deus uma possivel ‘PROSPERIDADE’?..

    Essa é uma das propagandas dessa ideologia:
    ‘Deus quer ver você rico — carros na garagem, negócios prosperando.
    Basta que você acredite, abra a carteira e ofereça a Deus tudo o que puder.’

    Essa é a mensagem difundida pela maioria dos religiosos no Brasil, que está proliferando nos países da América Latina e da Africa. As pessoas vão às igrejas com a promessa que Deus as abençoará em sentido material. Mas será que Deus realmente promete dar riquezas aos que o servem? Todos os servos de Deus no passado eram ricos?

    Curtir

  • Queruvim  On 25 de novembro de 2016 at 14:40

    Quanto à “trave” no olho das Testemunhas de Jeová…eu não vejo nada de “trave”. Vejo sim uma trave em outros grupos auto intitulados “cristãos”,quando lemos coisas como esta, reportada por um respeitado historiador:

    O livro History of Christianity, de Paul Johnson, diz:

    “Dentre 17.000 pastores evangélicos, nunca houve mais de cinqüenta que cumprissem longos termos de prisão [por não apoiarem o regime nazista] em qualquer época.”

    Contrastando tais pastores com as Testemunhas de Jeová, Johnson escreveu:

    “Os mais valentes eram as Testemunhas de Jeová, que proclamavam a sua inequívoca oposição doutrinal desde o início e sofreram em conseqüência disso. Recusaram qualquer cooperação com o Estado nazista.”

    A Igreja Batista e o Nazismo

    Curtir

  • francisco  On 25 de novembro de 2016 at 18:08

    OLA, EM NOME DO SR. JESUS DE NAZARE, NEM PRECISO ENTRA NO MERITO DO ASSUNTO, PARA AFIRMA, QUE QUALQUER UM QUE SE DIGA OU SE ENTITULE, POR SERVO DO ALTISSIMO, OU DE SEU UNICO FILHO, QUE PREGA PROSPERIDADE, ESTA PREGANDO DE SE MESMO, POIS O SR. JESUS É INFATICO EM MOSTRA AS CONDIÇOES DOS QUE QUEREM SERVILO E ENTRAR NO REINO, E JUSTO DESFAZER DE TUDO E SEGUILA, DEPOIS, ELE DIZ QUE O QUE AGUARDO SEUS SERVOS NESTE MUNDO, É SOMENTE, FADIÇAO E FADIGA, CREU, NAO SER PRECISZO CITAR AS PASSAGENS, POIS QUALQUER, SERVO GENUINO DE JEOVA SABERA SEM GAGUEIJAR AS DITAS PASSAGENS, POIS OS PREGADORES DE PROSPERIDADES TODOS ELES SEM EXERÇOES SAO LOBOS DEVORADORES, DESCULPE-ME MAIS E PORQUE SOU RIGOROSO COM OS ENSINAMENTOS DE JESUS MEU SR. E MEU SALVAODR, MUITOS ATE ME CHAMAM DE CRENTE RADICAL, E LOINHA DURA, MES É PORQUE LENDO E RELENDO A PALAVRA, NAO ACHO NEM UM PONTO, PRA FALSIFICAR OS ENSINAMWENTOS DE MEU SR. SEM SE FALAR NO RIGOROSO JUIZO QUE AGUARDA, AQUEM SE ATREVER A ISTO. APAZ DO SR. ESTEJAM COM VOSCO. ( esqueçamos pontos e os erros de portugues que nao fazem parte da salvaçao ).

    Curtir

  • Queruvim  On 25 de novembro de 2016 at 20:51

    Francisco, obrigado por expressar o que pensa.

    Curtir

  • Queruvim  On 25 de novembro de 2016 at 21:02

    Jones Kecio, it is remarkable that none of the proponents of this theology come here to post a comment supporting their understanding!

    Curtir

  • Denis  On 26 de novembro de 2016 at 6:38

    No passado muitas pessoas quiseram acompanhar Cristo não pelo seus ensinamentos mais sim pelo o que ele poderia fazer por eles em sentido físico e material, e Jesus os reprendeu por isso, pois não queriam aprender sobre Jeová mais sim ter benefícios.

    Hoje os lideres aproveitam de da ignorância do povo, mais em contrapartida, as pessoas não querem saber o que a bíblia ensina, mais sim ter “bênçãos” imediatas.

    “Acumularam para si instrutores para fazerem cócegas em seus ouvidos”

    Att

    Denis

    Curtir

Comments in english allowed! Não serão permitidos comentários de opositores ou pessoas que querem debates sem fim. EVITE FUGIR DO TEMA DA PÁGINA OU FAZER flooding de informações. Isso é coisa de gente desonesta e que quer confundir. Discordar não é problema, mas fazer oposição com zombaria desrespeito e trollagem não são aceitos nesta página. Ao postar nesta página você estará concordando com isso! Não é permitido a participação de APÓSTATAS nos comentários desta página. Em outras palavras, críticas e discordâncias são aceitas e até mesmo postadas, mas não “espírito de oposição”. Isto se dá em vista do claro mandamento bíblico para que “os eviteis” Romanos 16:17.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s