Notícias do MUNDO


Ocasionalmente tenho reportado aqui algumas notícias que vemos em sites internacionais, tais como a CNN, i24 news, Aruts Sheva, Al Jazeera e outros canais noticiosos de grande valor, como a VEJA. Procuro destacar e observar  principalmente fontes independentes e até mesmo vídeos fiáveis postados no YOUTUBE. Ao assim fazer, informações em primeira mão podem ser acessadas sem o “filtro” de canais de notícias que podem estar até certo ponto comprometidos em não contar tudo, por subserviência ao governo brasileiro ou até mesmo por dar suporte a ideias agradáveis à ideologias de esquerda.(Não é incomum observar a omissão de informação da parte de instituições comprometidas). Continuarei publicando informações para que os servos de Jeová e outros possam dar suas opiniões. O objetivo desta página é claramente expresso como sendo o de “defender a Bíblia Sagrada e a melhor tradução da Bíblia Sagrada”, contudo, ao noticiar algum acontecimento, podemos ver como este se encaixa no cumprimento de profecias bíblicas ao passo que ouvimos comentários uns dos outros. Sempre recebo e-mails com alguma notícia interessante ou algo que pode ser postado e que não está diretamente relacionado com a Bíblia, mas com o cumprimento da palavra de Deus. Vamos então a algumas notícias!   

Lembro-me que certo dia pela manhã, logo no início do conflito na Síria a mais de 3 anos, vi em primeira mão um vídeo postado no YOUTUBE, onde o Governo do ditador Bashar Al Assad começou a atirar violentamente contra manifestantes nas ruas de Daara e Alepo, na Síria. Não é de admirar que a Bíblia chama os governos humanos de “fera”!  Os manifestantes estavam apenas querendo mudança de Governo e foram recebido por atiradores postados com rifles de precisão no topo de prédios. Foram recebidos com tanques de guerra e fiquei abismado quando vi pessoas caindo aos pedaços sem sequer ser noticiado no ocidente. Até mesmo a CNN pouco mencionou imagens e vídeos do incidente, a não ser dias depois, quando o numero de mortos era bem mais alto e houve um levante a fim de derrubar o governo da Síria. Dentro da Síria o Governo fazia uma verdadeira lavagem cerebral ao mentir descaradamente nas TVs dominadas por eles. Até hoje há Sírios que acreditam que a guerra ali foi iniciada por países como os Estados Unidos ( que leva a culpa em tudo  e por tudo que um Árabe beligerante faça com um fuzil na mão).

DESTAQUE DE HOJE 

Hoje notei uma notícia que vem me incomodando, e não é a primeira vez. Poderá confirmar isto neste momento na CNN em notas ou vídeos menores, mas que está se tornando algo preocupante. A Rússia há muitos meses tem feito algo inacreditável. Tem invadido o espaço aéreo de vários países, e hoje foi a vez do espaço aéreo da Inglaterra. (veja aqui CNN INTERNACIONAL) A invasão, segundo as autoridades inglesas, causou interrupção no tráfego aéreo civil do país. Os invasores foram escoltados por jatos RAF Typhoons da força aérea inglesa. Em sua defesa, o embaixador Russo Alexandre Yakovenko  nega qualquer irregularidade e afirma que estavam em “patrulha de rotina e em espaço aéreo em águas internacionais sob o oceano atlântico, seguindo estritamente normas internacionais”. Logo em seguida é desmentido pelo Secretário Geral da Otan, Jens Stoltenberg, que alerta:

” Aviões aliados da OTAN interceptaram aeronaves da Rússia no último ano [2014] mais de 400 vezes, mais de 150 destas interceptações foram realizadas pela missão de polícia aérea báltica da OTAN”.

Segundo ele, isto é “quatro vezes mais que o ano de 2013”. O pior que não eram aviões normais da Rússia, mas bombardeiros. São aviões com capacidade de carregar toneladas de bombas e em alguns casos até mesmo mísseis nucleares. Eu já havia visto denúncias destas em diversas ocasiões e em diversos canais da mídia internacional, contudo, notei que quase não se tem repercussão aqui no ocidente. Não é difícil de acreditar que se algum país do ocidente reagir contra a Rússia , atacando seus aviões espiões, os Estados Unidos e outro país que procure eventualmente se defender destas invasões de território, serão imediatamente taxados de “agressores” e até mesmo de “imperialistas”.

A mídia ignorante é mais apressada em inverter os papéis e culpar as vítimas. É um padrão em muitos comentaristas principalmente simpatizantes do Islã, de  Cuba, Bolívia, China ou da Rússia, pegarem o bonde andando e culparem sempre as vítimas. Não sei se é a ignorância (falta de conhecimento e informação) ou a maldade que move o cérebro dos que adoram desinformar ao invés de informar com responsabilidade. O pior é que o Brasil está repleto deste tipo de gente. Estão presentes numa verdadeira “malha” na sociedade. Professores, editores,colunistas, apresentadores de televisão e ancoras de telejornais, políticos, blogueiros e muitos outros.  Que Jeová Deus vigie e olhe pelos nosso irmãos na Rússia!

Anúncios