Porque optei pelo ateísmo- É realístico crer em Deus e na “Criação”? PARTE 2


Damos aqui uma continuação à parte 1 onde…

Convidamos os ATEUS e AGNÓSTICOS bem como pessoas que se decepcionaram com as Igrejas chamadas “cristãs” que opinem sobre o tema acima. Lembre-se, consulte constantemente esta página para ver o que outros partilham com você logo após ter feito seu comentário e expor seu ponto de vista. Esta página está sob moderação, portanto, seja educado e evite a possibilidade de não ter seu comment publicado por falta de respeito ou intolerância. O objetivo aqui não é tentar “provar que o outro está errado” mas partilhar ideias que demonstram os benefícios de viver da forma que percebe ser melhor, visando o bem de todos. Poderão comentar acontecimentos proveniente do noticiário ou algo que lhe aconteceu, na sua vida. Seja bem vindo!

OBS> NÃO EXISTE BASE BÍBLICA PARA A DOUTRINA DE UM INFERNO DE FOGO …As Testemunhas de Jeová não pregam nem acreditam no ensino anti Bíblico do INFERNO DE FOGO. 

 

 

Anúncios
Both comments and trackbacks are currently closed.

Comentários

  • Euclides  On 18 jun 2014 at 16:24

    e também que jesus não faz parte de uma trindade, seria proveitoso se os ateus dessem sua ultima oportunidade para as Testemunhas de Jeová
    metade das confusões que fazem eles descrerem em tudo é por culpa da cristandade

    Curtido por 1 pessoa

  • Saga  On 19 jun 2014 at 17:01

    Tava muito interessante e até engraçado até começar com apelos a ameaça do Inferno, o tema não necessitava dessas chantagens emocionais.

    Curtir

  • Euclides  On 20 jun 2014 at 8:17

    Eu também percebi isso, se ele estava ganhando a pessoa quando ele falou isso acho que já minou um pouco a mensagem

    Curtir

  • Queruvim  On 20 jun 2014 at 18:34

    Sabe eu limitei os comentários, visto que todo dia e toda hora tem cada comentário escrito por “apóstatas”, “opositores”, “trolls”, “doentes mentais”, “seita de yahoshúa” e outros que se eu juntasse a paciência de Jó, Moisés e Cristo ainda não seria capaz de suportar tanta besteira que esse povo fala. Não é de admirar que alguns se envenenam com a internet e acabam perdendo o foco e o bom senso que pertence à sabedoria. A Igreja Evangélica é uma confusão sem limites. Quão bom é conhecer a adoração verdadeira! Que alívio e que satisfação há em conhecer o povo que Ele escolheu!

    Curtido por 1 pessoa

  • Saga  On 20 jun 2014 at 19:23

    Pra cada pessoa que o evangélico ganhar (converter) ameaçando com Inferno, você perde tantas ou mais que se revoltam com isso e viram descrentes de Deus.

    Curtido por 1 pessoa

  • karmo2010  On 21 jun 2014 at 0:14

    Gostei da atitude, Queruvim! Realmente é preciso filtrar os comentários desse povo! Para o bem dos leitores dessa página, para que aqueles que procuram informação, as obtenha com qualidade, em ambiente respeitoso.

    As pessoas que creem na evolução cega, podem também acreditar na seguinte estória:

    Roberto, com 16 anos de idade, desceu de seu quarto e correu para a cozinha atrás de uma tigela de seu cereal favorito: Alpha Bits, aqueles flocos de cereal com o formato de letras do alfabeto. Quando chegou à mesa, foi surpreendido por ver que a caixa do cereal estava aberta, o conteúdo fora derramado e as letras formavam a mensagem LEVE O LIXO PARA FORA — MAMÃE em sua tigela. Lembrando-se de uma recente aula de biologia do ensino médio, Roberto não atribuiu a mensagem à sua mãe. Além do mais, ele aprendeu que a vida em si é meramente um produto do acaso, das leis naturais. Se era esse o caso, pensou Roberto, por que não seria possível que uma simples mensagem como “Leve o lixo para fora — Mamãe” não fosse o produto do acaso e das leis naturais também? Talvez o gato tivesse derrubado a caixa ou um terremoto tivesse chacoalhado a casa. Não fazia sentido chegar a qualquer conclusão. Roberto não queria levar o lixo para fora de jeito nenhum. Ele não tinha tempo para as tarefas da casa.

    Roberto deu de ombros às evidências, não fez caso delas.

    Parece que há uma barreira psicológica que impede tais pessoas a aceitar o óbvio – Design Inteligente.

    É por isso que sempre digo: Não tenho fé suficiente para ser um ateu.

    Curtido por 1 pessoa

  • Nilson Rocha.  On 22 jun 2014 at 1:29

    Pra cada pessoa que o evangélico ganhar (converter) ameaçando com Inferno, você perde tantas ou mais que se revoltam com isso e viram descrentes de Deus.( saga )
    Um dos comentários mais acertados até agora.

    Curtir

  • August Dickmann  On 22 jun 2014 at 9:20

    Queruvim On 20 de junho de 2014 at 18:34

    E Áhja paciência Queruvim kkkkkkkk

    Curtir

  • lais  On 22 jun 2014 at 17:53

    Meu,se algum dia eu tivesse pertencido a Igreja Evangélica,Católica,a essas Igrejas por ae,e pregassem pra mim que Deus é amor e ao mesmo tempo pregassem essa doutrina do inferno,acredito que até eu viraria Ateu,ou serviria a Deus por medo ,simplesmente pra eu não virar churrasquinho kkkkkk e não por amor rsrsrs,aff é cada coisa que tá louco.

    Curtido por 1 pessoa

  • danielprr  On 22 jun 2014 at 22:07

    É por isso que inventaram a desculpa dois bilhões de anos…
    Além disso, até hoje não conseguiram recriar vida propriamente dita ou uma suposta macroevolução em laboratório
    (E desculpe se o comentário aparecer mistos de uma vez. O navegador do android buga o wordpress.)

    Curtido por 1 pessoa

  • phn86  On 22 jun 2014 at 22:38

    No caso de alguns, ateus ou outra coisa, eles usam para esses casos onde o acaso/coincidência parece tolice como na ilustração do karmo2010, ou que o universo veio de uma explosão e “inúmeros eventos aleatórios” nos trouxeram até hoje o seguinte:
    Todos sabemos que na matemática existe a probabilidade, eventos aleatórios e coisas que apoiariam a descrença no criacionismo, e se a pessoa seguir essas teorias (mesmo que pareça loucura), o universo não necessitaria de um criador, apenas de muitas coisas “dando certo sem querer”.

    Alguém sabe se existe um limite para acontecimentos probabilísticos, a fim de invalidar esse tipo de afirmação apoiada na matemática?

    Curtir

  • Queruvim  On 22 jun 2014 at 23:03

    Já consultou o Livro “A Vida- Qual a sua Orgiem, a Evolução ou a Criação?” ???

    No capítulo: “Poderia a Vida Ser Obra do Acaso?” neste livro lemos:

    A Probabilidade das Proteínas Espontâneas

    17 Que probabilidade existe de que os aminoácidos corretos se juntassem para formar uma molécula de proteína? Poder-se-ia assemelhar isto a uma grande pilha, completamente misturada, contendo iguais números de feijões avermelhados e brancos. Existem, também, mais de 100 variedades diferentes de feijões. Agora, se enfiasse uma pá nesta pilha, o que acha que obteria? Para obter os feijões que representam os componentes básicos duma proteína, teria de pegar apenas os avermelhados — nenhum branco! Também, sua pá teria de conter apenas 20 variedades dos feijões avermelhados, e cada uma delas tinha de estar num lugar específico, pré-designado, na pá. No mundo das proteínas, um único erro em qualquer desses requisitos faria com que a proteína produzida deixasse de operar adequadamente. Será que por mais que se sacudisse e enfiasse a pá em sua hipotética pilha de feijões lhe daria a combinação certa? Não. Então, como isso seria possível no hipotético caldo orgânico?
    18 As proteínas necessárias para a vida possuem moléculas muitíssimo complexas. Qual é a probabilidade de até mesmo uma molécula simples de proteína se formar ao acaso num caldo orgânico? Os evolucionistas reconhecem que é de apenas uma em 10113 (1 seguido de 113 zeros). Mas qualquer acontecimento que tenha uma probabilidade em apenas 1050 é rejeitado pelos matemáticos como jamais ocorrendo. Tem-se uma idéia das probabilidades envolvidas no fato de que o número 10113 é maior do que o total estimado de todos os átomos no universo!
    19 Há proteínas que servem como material estrutural, e outras como enzimas. Estas últimas aceleram as necessárias reações químicas na célula. Sem tal ajuda, a célula morreria. Não se trata de pequeno número, mas 2.000 proteínas enzimáticas são necessárias às atividades da célula. Quais são as probabilidades de se obter todas elas por obra do acaso? Uma probabilidade em 1040.000! “Uma probabilidade extraordinariamente pequena”, assevera Hoyle, “com a qual não se depararia, mesmo se o inteiro universo consistisse em caldo orgânico”. Acrescenta ele: “Se a pessoa não for preconcebida, seja por crenças sociais, seja por determinado preparo científico, a ter convicção de que a vida se originou [espontaneamente] na Terra, este simples cálculo torna improcedente toda esta idéia.”13
    20 No entanto, as probabilidades realmente são muito menores do que o indicado por este número ‘extraordinariamente pequeno’. Tem de haver uma membrana que envolva a célula. Mas, tal membrana é extremamente complexa, sendo constituída de moléculas de proteína, de açúcar e de gordura. Como escreve o evolucionista Leslie Orgel: “As membranas da célula moderna incluem canais e bombas que controlam de forma específica o influxo e o efluxo de nutrientes, de produtos residuais, de íons metálicos, etc. Estes canais especializados envolvem proteínas de alta especificidade, moléculas que não poderiam estar presentes bem no princípio da evolução da vida.”14… …

    Curtido por 2 pessoas

  • phn86  On 23 jun 2014 at 0:05

    Sim, já li. E citei justamente esse aspecto pra pessoa:
    “Uma probabilidade em 1040.000!”

    E ela me disse:
    “Sim, porém EXISTE uma possibilidade, mesmo que extremamente remota ela não poderia ser descartada”. ¬¬

    Em resumo mudei de assunto.

    Curtir

  • karmo2010  On 23 jun 2014 at 11:11

    É desonestidade ou estar propositadamente cego para sugerir que mensagens como “Leve o lixo para fora — Mamãe” são obra de leis naturais. Porém, essas conclusões são perfeitamente compatíveis com os princípios ensinados na maioria das aulas de biologia do nível médio e das universidades hoje em dia. É nesses lugares que os biólogos naturalistas afirmam dogmaticamente que mensagens muito mais complexas são os descuidados produtos de leis naturais. Eles fazem essa afirmação na tentativa de explicar a origem da vida.

    Os biólogos naturalistas afirmam que a vida é gerada espontaneamente pelas leis naturais com base em elementos químicos inanimados, sem nenhuma intervenção inteligente. Essa teoria pode ter parecido plausível para cientistas do século XIX que não tinham a tecnologia para investigar as células e descobrir sua tão impressionante complexidade. Mas, hoje em dia, essa teoria naturalista ataca frontalmente tudo o que sabemos sobre as leis naturais e os sistemas biológicos.

    Desde a década de 1950, o avanço da tecnologia tem capacitado os cientistas a descobrirem um pequeno mundo de impressionante projeto e espantosa complexidade. Ao mesmo tempo que os nossos telescópios estão vendo muito mais longe no espaço, nossos microscópios estão olhando cada vez mais fundo nos componentes da vida. Enquanto as nossas observações espaciais estão se rendendo ao princípio antrópico da física, nossas observações da vida estão cedendo ao impressionante princípio antrópico da biologia.

    Para exemplificar, vamos considerar a assim chamada vida “simples” — um animal unicelular conhecido como ameba. Os naturalistas evolucionistas afirmam que essa ameba uni celular (ou alguma coisa semelhante a ela) se formou por meio de geração espontânea (i.e., sem intervenção inteligente) num pequeno lago aquecido em algum lugar da Terra, quando ela ainda estava em seus primórdios. De acordo com sua teoria, toda a vida biológica evoluiu baseando se nessa ameba inicial, sem nenhum tipo de orientação inteligente. Claro, esta é a teoria da macroevolução: do infantil para o réptil e do réptil para o gentio; ou do angu até tu, passando pelo zoológico. (risos)

    Aqueles que acreditam nessa teoria da origem da vida são chamados de muitos nomes: naturalistas, evolucionistas, materialistas, humanistas, ateus ou darwinistas. Independentemente da maneira pela qual chamamos aqueles que acreditam nessa teoria, o ponto principal para nós é este: “Sua teoria é verdadeira?”. Parece nos que não.

    Esqueça as afirmações darwinistas de que os homens descendem dos macacos ou que os pássaros evoluíram dos répteis. O problema principal para os darwinistas não é explicar de que maneira todas as formas de vida estão relacionadas, embora isso seja também um problema para eles. O problema principal para os darwinistas é explicar a origem da primeira vida. Para que a macroevolução naturalista seja verdade, a primeira vida precisa ter sido gerada espontaneamente com base em elementos químicos inanimados. Infelizmente, para os darwinistas, a primeira vida — na verdade, qualquer forma de vida — não é de forma alguma “simples”. Isso ficou muitíssimo claro em 1953, quando ]ames Watson e Francis Crick descobriram o DNA, (do inglês, deoxyribonucleic acid; em português, ADN [ácido desoxirribonucléico]) a química que codifica instruções para a construção e a replicação de todas as coisas vivas.

    Mas disso falarei em outro post.

    Curtir

  • karmo2010  On 23 jun 2014 at 11:18

    Tem também a desculpa dos multiuniversos, e também de que o universo é eterno, contrariando a descoberta do Big Bang, que a princípio apóia a narrativa de Gênesis de que nosso Universo teve um princípio.

    Curtido por 1 pessoa

  • Queruvim  On 24 jun 2014 at 1:45

    Já viu um muçulmano chegar ao absurdo de justificar atos cruéis de assassinatos. Foi o que aconteceu recentemente em Israel com o sequestro de alguns jovens judeus. Certa mulher, uma política apoiadora do Hamas falou em favor dos sequestradores. Como tentar convencer alguém de que injustiça e que ataque a inocentes é errado, quando o coração desta pessoa está destilando ódio? Não há como ser bem sucedido! O mesmo ocorre ao tentar “convencer” um ateu irredutível. Na verdade ele é crente e tem fé no Deus do acaso. Alguns estão tão apaixonados e apegados a essa ideia que não mudam de opinião mesmo que vejam diversas evidências contrárias. Exige muito mais fé para se crer que o nada fez tudo que existe!

    Curtido por 1 pessoa

  • O Protestante  On 24 jun 2014 at 9:18

    É…. eles criam hipóteses sem evidências, transformam isso em fatos e chamam isso de ciência…
    Sem falar que a hipótese de um universo eterno já contrariaria a própria ciência: se nada pode vir do nada, de onde veio o universo para ele ser eterno?

    Curtido por 1 pessoa

  • karmo2010  On 24 jun 2014 at 9:31

    Prosseguindo com o assunto DNA:

    O DNA tem uma estrutura em forma de hélice que se parece como uma escada torcida. Os lados da escada são formados por desoxirribose e fosfato, e os degraus da escada consistem em ordens específicas de quatro bases de nitrogênio. Essas bases de nitrogênio recebem o nome de adenina, timina, citosina e guanina, comumente representadas respectivamente pelas letras A, T, C e G. Essas letras compõem o que é conhecido como o alfabeto genético de quatro letras. Esse alfabeto é idêntico ao alfabeto ocidental em termos de sua habilidade de comunicar uma mensagem, exceto pelo fato de que o alfabeto genético tem apenas quatro letras, em vez das 26 que conhecemos no alfabeto ocidental. (Hubert Yockey, cientista da informação da Universidade da Califórnia em Berkeley, deixa claro que essa comparação entre o alfabeto ocidental (inglês, no original) e o alfabeto genético não é uma analogia, mas uma identificação matemática. Ele escreve: “É importante compreender que não estamos raciocinando por analogia. A hipótese de seqüências aplica-se diretamente à proteína e ao texto genético, bem como à linguagem escrita, e, portanto, o tratamento é matematicamente idêntico”. V. Huberr P. YOCKEY, “Self Organization, Origin-of-life Scenarios and Information Theory”, Journal 01 TheoreticalBiology 91 (1981): 16.) Assim como uma ordem específica das letras numa frase transmite uma mensagem singular, a ordem específica de A, T, C e G dentro de uma célula viva determina uma composição genética singular daquele ser vivo. Outro nome para essa mensagem ou informação, quer esteja numa frase quer no DNA, é “complexidade específica”. Em outras palavras, ela não é só complexa, mas também contém uma mensagem específica.

    A incrível complexidade específica da vida torna-se explícita quando alguém considera a mensagem encontrada no DNA de uma pequena ameba unicelular (uma criatura tão pequena que centenas delas poderiam ser colocadas uma ao lado da outra num espaço de 1 centímetro). Richard Dawkins, cientista darwinista convicto e professor de zoologia na Universidade de Oxford, admite que a mensagem encontrada apenas no núcleo de uma pequena ameba é maior do que os 30 volumes combinados da Enciclopédia Britânica, (The Blind Watchmaker. New York: Norron, 1987, p. 17-8, 116) e a ameba inteira tem tanta informação em seu DNA quanto mil conjuntos completos da mesma enciclopédia!

    Em outras palavras, se você fosse ler todos os A, T, C e G na “injustamente chamada ameba ‘primitiva ” (como Darwin a descreve), as letras encheriam mil conjuntos completos de uma enciclopédia! Espantoso, não é?

    Precisamos enfatizar que essas mil enciclopédias não consistem em letras aleatórias, mas em letras numa ordem muito específica — tal como as enciclopédias reais. Portanto, aqui está a principal pergunta para os darwinistas como Dawkins: mensagens simples como “Leve o lixo para fora — Mamãe” exigem um ser inteligente, então por que a mensagem dessas mil enciclopédias não exigiria um também?

    Os darwinistas não podem responder a essa pergunta mostrando de que maneira as leis naturais poderiam fazer o trabalho. Em vez disso, definem as regras da ciência de maneira tão estreita que a inteligência é eliminada logo de início, deixando as leis naturais como o único fator a ser considerado. Antes de descrever de que maneira e por que os darwinistas fazem isso, vamos considerar os princípios científicos que precisam ser usados para se descobrir de que maneira começou a primeira vida.

    Mas isso vai ficar pra próxima postagem.

    Curtir

  • O Protestante  On 24 jun 2014 at 9:49

    Falando nisso, quero recomendar a vocês um artigo que eu li a algumas semanas atrás. Apesar de ele se focar mais na parte da autenticidade da Bíblia, ele fala muitas coisas que derrubam os pilares das supostas evidências da evolução. Recomendo a leitura:
    http://2001translation.com/Authenticity.htm

    Curtido por 1 pessoa

  • Queruvim  On 24 jun 2014 at 20:32

    Muito boa sua sugestão de artigo. Thanks and best regards!

    Curtir

  • Jalmeida-PG  On 24 jun 2014 at 20:34

    Que conceito faz mais sentido?

    NENHUM humano presenciou o início da vida na Terra. E ninguém viu uma forma de vida evoluir para outra; por exemplo, de um réptil para um mamífero.* Assim, para tirar conclusões sobre a origem da vida, precisamos nos basear nas evidências disponíveis. Daí, devemos deixar que elas falem por si mesmas, em vez de forçá-las a dizer o que queremos ouvir.

    No entanto, muitos ateus veem a ciência do ponto de vista do materialismo — filosofia que pressupõe causas puramente materiais para a origem da vida. “Já assumimos . . . um comprometimento com o materialismo”, escreveu o evolucionista Richard C. Lewontin. “Esse comprometimento é absoluto, pois não podemos abrir nenhuma brecha para Deus.” Por isso, os materialistas se apegam à única alternativa que lhes resta: a evolução.

    Algumas pessoas religiosas também têm preconceitos que distorcem seu ponto de vista sobre a ciência. Por exemplo, como já mencionado, alguns criacionistas defendem a ideia equivocada de que Deus criou a Terra em seis dias literais alguns milhares de anos atrás. Por já terem se comprometido com esse conceito, eles tentam forçar as evidências para que elas apoiem sua interpretação extremamente literal da Bíblia. (Veja o quadro “Quanto dura um ‘dia’?”, na página 9.) Pessoas que têm interpretações extremistas assim — tanto da Bíblia como da ciência — não conseguem respostas satisfatórias ao tentar encontrar evidências para sua fé.
    http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/102011403

    Curtido por 1 pessoa

  • karmo2010  On 24 jun 2014 at 23:00

    Vamos considerar os princípios científicos que precisam ser usados para se descobrir de que maneira começou a primeira vida.

    Há um grande número de evolucionistas e de criacionistas que falam como se soubessem, ainda que com dúvidas justificáveis, de que maneira a primeira vida passou a existir. Naturalmente é impossível que ambos estejam certos. Se um está certo, o outro está errado. Assim, de que maneira podemos descobrir quem está certo?

    O fato a seguir é óbvio, mas é freqüentemente desprezado: nenhum ser humano observou o surgimento da primeira vida. O surgimento da primeira vida na Terra foi um acontecimento histórico único, impossível de ser repetido. Ninguém estava presente para vê-lo, e certamente não podemos viajar de volta no tempo para observar diretamente se a primeira vida foi criada por algum tipo de inteligência ou se surgiu em função das leis naturais agindo com base em uma matéria inorgânica.

    Isso levanta uma importante questão: se não podemos observar diretamente o passado, então que princípios científicos podem nos ajudar a descobrir o que gerou a primeira vida? Usamos os mesmos princípios que são utilizados todos dias no nosso sistema judiciário: os princípios da criminalística. Em outras palavras, a origem da vida é uma questão criminalística que exige a reunião de evidências do mesmo modo que os detetives reúnem as provas de um assassinato. Os detetives não podem voltar no tempo e testemunhar o assassinato outra vez. Eles também não podem ressuscitar a vítima ou ir ao laboratório para conduzir algum tipo de experimento que permita observar ou repetir o crime diversas vezes. (Coisa do filme de ficção Minority Report) Em vez disso, devem utilizar os princípios da criminalística para descobrir o que realmente aconteceu.

    O princípio central da criminalística é o princípio da uniformidade, que afirma que as causas do passado foram semelhantes às causas que observamos hoje. Em outras palavras, pelo princípio da uniformidade pressupomos que, no passado, o mundo funcionava do mesmo jeito que funciona hoje, especialmente no que se refere às causas. Se “Leve o lixo para fora — Mamãe” exige uma causa inteligente hoje, então qualquer mensagem similar no passado também deve ter exigido uma causa inteligente. Reciprocamente, se as leis naturais podem realizar o trabalho hoje, então o princípio da uniformidade nos levaria a concluir que as leis naturais poderiam fazer o trabalho no passado.

    Considere o GRAND CANYON. O que o gerou? Alguém o viu se formando? Não, mas, pelo princípio da uniformidade, podemos concluir que um processo natural — particularmente a erosão por meio da água — foi o responsável pelo surgimento do GRAND CANYON. Podemos chegar a essa conclusão com total confiança, embora não estivéssemos ali para ver isso acontecendo, porque podemos observar esses processos naturais criando cânions hoje. Vemos isso na natureza quando observamos os efeitos da água sobre massas de terra. Podemos até mesmo ir ao laboratório e repetidamente derramar água no meio de um monte de areia, e sempre obteremos um cânion.

    Considere agora outra formação geológica: o monte Rushmore, nos Estados Unidos. O que o gerou? O bom senso nos diz que jamais poderíamos sugerir que o rosto dos presidentes no monte Rushmore foram o resultado de leis naturais. A erosão não poderia ter feito aquilo. O nosso “bom senso” é, na verdade, o princípio da uniformidade. Uma vez que nunca observamos leis naturais cinzelando uma escultura com um alto nível de detalhes como os da cabeça dos presidentes numa pedra nos dias atuais, podemos concluir com certeza que as leis naturais também não poderiam ter feito isso no passado. Hoje vemos apenas seres inteligentes criando esculturas detalhadas. Como resultado, podemos concluir corretamente que, no passado, somente um ser inteligente (um escultor) ‘poderia ter criado o rosto dos presidentes norte-americanos no monte Rushmore.

    Da mesma forma, quando olhamos para a primeira vida unicelular, o princípio da uniformidade nos diz que somente uma causa inteligente poderia reunir o equivalente a mil enciclopédias. Nunca se observou as leis naturais criando uma mensagem simples como “Leve o lixo para fora — Mamãe”, muito menos uma mensagem do tamanho de mil enciclopédias.

    Em face de tudo isso, por que os darwinistas chegam a conclusão de que a primeira vida foi gerada espontaneamente? Veremos

    Curtir

  • karmo2010  On 24 jun 2014 at 23:30

    O que eu acho mais contraditório na crença ateísta é que eles acreditam que o Deus Acaso foi o responsável pelo surgimento do Universo e da vida, mas ao mesmo tempo se importam com as injustiças causadas pelas pessoas religiosas.

    Isto é, eles dizem que o Deus bíblico não existe, mas ao mesmo tempo acreditam em valores morais objetivos. Oras, se Deus não existe, então valores morais objetivos não existem e fanáticos religiosos ou outros sujeitos cruéis que partem pro terrorismo ou violência gratuita, só estão dando margem aos seus instintos primitivos. Eles só estão obedecendo a reações químicas de seus cérebros, e não há como julgá-los como certos ou errados. Mas esse pensamento é contrário a existência de valores morais objetivos, e a possibilidade matemática de existir um universo onde esses atos cruéis são moralmente aceitáveis só existe na imaginação fértil de reducionistas.

    A verdade é que o ateísmo não se baseia na razão, mas em grande parte na negação de uma divindade, puramente por motivos materialistas ou filosóficos.

    E mais uma vez digo – Não tenho fé suficiente para ser um ateu!

    Curtir

  • O Protestante  On 26 jun 2014 at 17:16

    No problem man! ^^

    Curtir

  • Saga  On 26 jun 2014 at 19:04

    Queruvim, medite nessas palavras: http://juliosevero.blogspot.com.br/2014/06/por-que-nunca-mais-serei-presbiteriano.html

    Curtir

  • oTESTEMUNHAdeJAH  On 27 jun 2014 at 5:24

    Esses dias eu recebi um vídeo pelo celular que era até interessante sobre essa questão de Ateísmo:

    Um homem está numa barbearia e enquanto o barbeiro corta seu cabelo ele lê a bíblia. Ao encerrar o corte o barbeiro exclama:
    “- Sabe, eu não acredito em Deus!”
    Então o homem pergunta o porque e o barbeiro responde:
    “- Basta olhar o mundo a volta! Ele está cheio de sofrimento, miséria, injustiças, fome etc… Se existisse um Deus, não haveriam essas coisas.”
    Então o homem se despede sem refutar o que o cabeleireiro havia exclamado.
    Ao chegar na rua, o homem faz uma oração em silencio e depois de alguns segundos ele retorna ao estabelecimento do cabeleireiro, porém agora ele está acompanhado de um homem com cabelos compridos. É então que ele diz ao cabeleireiro:
    “- Sabe, Eu não acredito que existam cabeleireiros.”
    Então o Sr se surpreende e diz:
    “- Como não acredita? Se você acabou de cortar o cabelo comigo?”
    Então o homem responde:
    “- Mas olhe ao mundo ao nosso redor. se cabeleireiros existissem não haveriam tantas pessoas cabeludas e despenteadas.”
    O cabeleireiro responde:
    “- Mas. Isso acontece por que essas pessoas não me procuram, mas não quer dizer que não existam cabeleireiros.”
    Então o homem conclui:
    “- Com Deus acontece o mesmo. O mundo está cheio de coisas ruins em grande parte por que as pessoas não procuram Deus, mas isso não quer dizer que Deus não exista.”

    Curtido por 1 pessoa

  • karmo2010  On 27 jun 2014 at 11:01

    Por que então os darwinistas chegam à conclusão de que a primeira vida foi gerada espontaneamente com base em elementos químicos inanimados sem intervenção inteligente alguma? A geração espontânea da vida nunca foi observada. Desde que Pasteur esterilizou um frasco de vidro, uma das mais fundamentais observações em toda a ciência tem sido a de que a vida surge apenas com base em uma vida similar existente. Os cientistas foram incapazes de combinar elementos químicos num tubo de ensaio e chegar a uma molécula de DNA, quanto mais produzirem vida. De fato, todos os experimentos planejados para gerar vida espontaneamente — incluindo o agora desacreditado experimento de Urey-Miller — não apenas fracassaram, como sofrem de aplicação inválida de inteligência. Em outras palavras, cientistas planejaram experimentos com inteligência e, ainda assim, não conseguiram fazer aquilo que nos dizem que as leis naturais fizeram ao acaso. Por que deveríamos acreditar que um processo aleatório pode fazer aquilo que brilhantes cientistas não puderam? E mesmo que os cientistas terminassem criando vida em laboratório, isso provaria a criação. Por quê? Porque seus esforços mostrariam que é necessário haver muita inteligência para criar a vida
    Será que os darwinistas insistem na geração espontânea simplesmente porque eles não vêem evidências para o projeto? De forma alguma. De fato, exatamente o oposto é verdadeiro — eles vêm as evidências claramente! Richard Dawkins, por exemplo, deu ao seu livro o nome de O RELOJOEIRO CEGO em resposta ao argumento do projeto de William Paley. A aparência do projeto na vida é admitida na primeira página de O relojoeiro cego. Dawkins escreve: “A biologia é o estudo de coisas complicadas que dão a aparência de terem sido planejadas com um propósito”. (Blind Watch maker, p. 1) Duas páginas adiante, apesar de reconhecer “a intrincada arquitetura e a engenharia de precisão” na vida humana em cada uma dos trilhões de células dentro do corpo humano, Dawkins nega de modo peremptório que a vida humana ou qualquer outra tenha sido projetada. Aparentemente Dawkins recusa-se a permitir que a observação interfira em suas conclusões. Isso é muito estranho para um homem que acredita na supremacia da ciência, a qual deve ser baseada na observação.
    Francis Crick, o co-descobridor do DNA e apaixonado darwinista, concorda com Dawkins sobre a aparência do projeto. De fato, a aparência do projeto é tão clara que adverte que “os biólogos devem sempre ter em mente que aquilo que vêem não foi planejado, mas que evoluiu”. (Apud Phillip E. JOHNSON. The Wedge of Truth. Downers Grove: InterVarsity Press, 2000, p. 153 [publicado em português pela Editora Ultimato, Ciência, intolerância e fé: a cunha da verdade: rompendo os fundamentos do naturalismo]) A pequena nota de Crick aos biólogos levou Phillip Johnson, escritor e líder do movimento chamado projeto inteligente [PI] a escrever: “Os biólogos darwinistas devem ficar repetindo esse lembrete a si mesmos porque, de outro modo, vão ter consciência da realidade que os está olhando bem nos olhos e tentando chamar sua atenção”. (The Origin ofLife: More Questions than Answers”, lnterdisciplinary Science Review 13 (1998): 348)
    A complexidade do DNA não é o único problema para os darwinistas. Sua origem também é um problema. Existe um dilema semelhante ao do ovo e da galinha porque o DNA depende de proteína para sua produção, mas as proteínas dependem do DNA para a sua produção. Assim, quem veio primeiro, as proteínas ou o DNA? Qual dos dois precisava existir para que o outro fosse formado?
    Então, por que Crick, Dawkins e outros em seu campo ignoram as claras implicações da evidência que os está olhando bem nos olhos? Porque sua ideologia preconcebida — o naturalismo — os impede até mesmo de considerar uma causa inteligente. Como estamos prestes a ver, isso é ciência ruim e leva a conclusões erradas.
    Até a próxima.

    Curtir

  • karmo2010  On 27 jun 2014 at 11:15

    É crença comum que o chamado debate criação-evolução (hoje em dia freqüentemente designado debate do projeto inteligente versus naturalismo) está vinculado a uma guerra entre religião e ciência, entre a Bíblia e a ciência, ou entre fé e razão. Essa percepção é perpetuada pela mídia, que, coerentemente, apresenta o debate nos termos do filme O VENTO SERÁ TUA HERANÇA (Inherit the Wind), de 1960, uma ficção da “experiência do macaco” de John Scopes, de 1925. Você conhece essa descrição. Ela é basicamente assim: aí vêm aqueles religiosos fundamentalistas malucos outra vez, querendo impor sua religião dogmática e ignorando a ciência objetiva. A verdade é que não existe nada mais distante da verdade. O debate entre a criação e a evolução não é sobre religião versus ciência ou sobre a Bíblia versus a ciência — é sobre boa ciência e ciência ruim. Do mesmo modo, não é sobre fé versus razão — é sobre fé racional em oposição a fé irracional. Você pode ficar surpreso ao descobrir quem está praticando ciência ruim, bem como uma fé irracional. Como mencionado no meu comentário anterior, a ciência é uma busca pelas causas. Logicamente existem apenas dois tipos de causas: inteligente e não inteligente (i.e., natural). O Grand Canyon teve uma causa natural, e o monte Rushmore teve uma causa inteligente. Infelizmente, na questão da primeira vida, darwinistas como Dawkins e Crick descartam as causas inteligentes antes mesmo de olharem para as evidências. Em outras palavras, suas conclusões são influenciadas pelas suas pressuposições. A geração espontânea por meio das leis naturais tem de ser a causa da vida porque eles não consideram nenhuma outra opção.

    A geração espontânea é o que os críticos da evolução chamam história do "é porque é". Os evolucionistas não dão nenhuma evidência que apóie a geração espontânea. Ela não é apoiada pela observação empírica ou pelos princípios científicos da criminalística. É assim "porque é", porque a vida existe, e, uma vez que as causas inteligentes são previamente eliminadas, não pode haver nenhuma outra explicação possível.
    

    Isso é um imenso problema para o darwinismo. O bioquímico Klaus Dose admite que mais de 30 anos de pesquisa sobre a origem da vida levaram “a uma melhor percepção da imensidão do problema da origem da vida na Terra, em vez da solução. Atualmente todas as discussões sobre teorias e experimentos de princípios nessa área terminam em impasse ou em uma confissão de ignorância”. (Apud Lee STROBEL, Em defesa da fé. São Paulo: Vida, 2002, p. 148) Francis Crick lamenta: “Toda vez que escrevo um trabalho sobre a origem da vida, juro que nunca mais escreverei outro, porque existe um excesso de especulação correndo atrás de muito poucos fatos.” (Apud STROBEL, Em defesa da fé, p. 148)

    Nos próximos posts irei discorrer sobre a evidência a favor da inteligência e contra o naturalismo.

    Curtir

  • phn86  On 27 jun 2014 at 17:29

    Karmo2010, vou citar a fonte de seus textos. Assim os interessados podem ler na integra sobre o assunto.

    Livro: “NAO TENHO FÉ SUFICIENTE PARA SER ATEU”

    Curtir

  • karmo2010  On 27 jun 2014 at 23:02

    A evidência em favor da inteligência e contra o naturalismo é tão forte que proeminentes evolucionistas chegaram até mesmo a sugerir que seres extraterrestres depositaram a primeira vida aqui. Fred Hoyle (o mesmo evolucionista que popularizou a teoria do estado estático que discutimos no capo 3) inventou essa teoria incomum (chamada de panspermia, ou “sementes de todos os lugares”) depois de descobrir que a probabilidade de a vida ter surgido por geração espontânea era efetivamente zero (é claro que a panspermia não resolve o problema, mas simplesmente coloca outra questão: quem criou os extraterrestres inteligentes?).

    Por mais louca que possa parecer essa teoria, pelo menos os defensores da panspermia reconhecem que algum tipo de inteligência deve estar por trás da fantástica maravilha que chamamos vida. Fica fácil entender a incrível complexidade da vida mais simples quando vemos os principais evolucionistas recorrendo a extraterrestres para explicar a origem da vida.
    Chandra Wickramasinghe, outro defensor da panspermia, admite que os darwinistas estão agindo com fé cega no que se refere à geração espontânea. Ele observa:

    “O surgimento da vida tomando como base uma sopa primordial na Terra é meramente um artigo de fé que os cientistas estão tendo dificuldades de espalhar. Não existe comprovação experimental para apoiar isso atualmente. A verdade é que todas as tentativas de criar vida com base em algo não vivo, começando com Pasteur, não tiveram sucesso”. (Chandra Wickramasinghe, entrevistado por Roberr Roy Britt, 27 de outubro de 2000. Disponível on-line em http://www.space.com/searchforlife/chandra_sidebac001027.html)

    O microbiologista Michael Denton, embora ateu, acrescenta: ”A complexidade do tipo mais simples de célula é tão grande que é impossível aceitar que tal objeto possa ter sido reunido repentinamente por algum tipo de acontecimento caprichoso ou altamente improvável. Tal ocorrência seria indistinguível de um milagre.” (Evolution: A Theory in Crisis. Bethesda, Md.: Adler & Adler, 1985, p. 264)

    À luz das explicações do tipo “é porque é”, tal como a geração espontânea e a panspermia, quem você acha que está praticando ciência ruim: as pessoas zombeteiramente chamadas de “religiosas” (os teístas/criacionistas) ou os “iluminados” (os ateus/darwinistas) que são, na verdade, tão religiosos quanto os “religiosos”? O físico e cientista da informação Hubert Yockey percebe que são os darwinistas. Ele escreve: ”A crença de que a vida na Terra surgiu espontaneamente com base em uma matéria inanimada é simplesmente uma questão de fé num reducionismo profundo e está baseada inteiramente em ideologia”. (Information Theory and Molecular Biology. Cambridge, New York: Cambridge University Press, 1992, p. 284)

    Para darwinistas como Dawkins e Crick — que precisam acreditar que somente o material existe (e não o imaterial) -, a vida não pode ser nada mais do que elementos químicos. Mas a vida é claramente mais do que elementos químicos. A vida contém uma mensagem — o DNA — que é expressa por meio dos elementos químicos, mas esses elementos químicos não podem criar uma mensagem, do mesmo modo que os elementos químicos da tinta e do papel não podem fazer surgir as frases contidas numa página de um livro. Uma mensagem aponta para alguma coisa além dos elementos químicos. A mensagem da vida, assim como a duma página de um livro, aponta para uma inteligência muito além dos elementos químicos (percebemos que a vida é certamente mais do que elementos químicos com uma mensagem, mas o ponto chave é que ela certamente não é menos que isso.)

    Assim, mediante uma obediência cega à sua ideologia naturalista e reducionista — que vai contra toda observação e razão — os darwinistas afirmam dogmaticamente que a vida surgiu espontaneamente com base em elementos químicos inanimados. Ironicamente é exatamente disso que os darwinistas há muito tempo acusam os criacionistas de estarem fazendo: permitir que sua ideologia sobreponha-se à observação e à razão. Na verdade, são os darwinistas que estão permitindo que sua fé controle a observação e a razão. Os criacionistas e os defensores do projeto inteligente estão apenas fazendo uma inferência racional das evidências. Eles estão seguindo a evidência exatamente na direção para onde ela leva: de volta a uma causa inteligente.

    Só lembrando que as testemunhas de Jeová não são criacionistas, mas creem que existe um Deus Todo-poderoso que criou o Universo e todas as coisas nele, tanto visíveis como invisíveis. Portanto, são defensores da teoria do Design Inteligent. Confira em http://www.jw.org/pt/testemunhas-de-jeova/perguntas-frequentes/crenca-criacionismo/#?insight%5Bsearch_id%5D=88d3d5ab-0766-4f73-b734-35f947a642db&insight%5Bsearch_result_index%5D=0

    Até a próxima!

    Curtir

  • karmo2010  On 27 jun 2014 at 23:26

    O link sobre a entrevista com Chandra Wickramasinghe não está funcionando. Para verificar a crença na panspermia por parte desse cientista, veja esse outro link: http://www.panspermia.org/chandra.htm.

    Curtir

  • Thales  On 27 jun 2014 at 23:46

    Em recentes conversas que tive com ateus, percebi que o que falta para eles e que é essencial para nós, é a fé.

    Eles dizem que somente acreditariam em Deus se pudessem vê-lo,
    porem, eles acreditam na evolução, algo que exige muita fé. Neste caso eles não dizem: ‘só acredito na evolução se eu puder observa-la’.

    É como a Bíblia já dizia:

    1 Coríntios 2:14
    14 Mas o homem físico não aceita as coisas do espírito de Deus, porque para ele são tolice; e ele não pode chegar a conhecê-las, porque são examinadas espiritualmente.

    Na página inicial do site jw.org tem um tema oportuno:

    http://www.jw.org/pt/ensinos-biblicos/perguntas/ciencia-e-a-biblia/

    Curtido por 1 pessoa

  • Abaddon  On 28 jun 2014 at 0:49

    oTESTEMUNHAdeJAH On 27 de junho de 2014 at 5:24
    Segue o link para o video que você se refere:

    Curtido por 1 pessoa

  • Saga  On 28 jun 2014 at 11:14

    “A biologia é o estudo de coisas complicadas que dão a aparência de terem sido planejadas com um propósito”. by RICHARD DAWKINS (Blind Watch Maker, p. 1)

    “Os biólogos devem sempre ter em mente que aquilo que vêem não foi planejado, mas que evoluiu”. by Francis Crick (Apud Phillip E. JOHNSON. The Wedge of Truth. Downers Grove: InterVarsity Press, 2000, p. 153)

    Dawkins e Crick dizem abertamente que a biologia tem de estar comprometida com o ateísmo, todos biólogos obrigatoriamente tem de ser evolucionista ateus, proposito e planejamento estão fora de questão, pois abriria a brecha pra um Designer ou Criador da vida, coisa que eles negam PREVIAMENTE, é um PARADIGMA que ele não exista, o estudo dos fatos científicos vem depois, essa premissa vem primeiro.

    Isso significa que todos que acreditem em criação devem ser banidos ou censurados na vida acadêmicas, e os professores de biologia devem ser todos evolucionistas ateus, o que de fato rola em quem segue na carreira cientifica é um forte preconceito, censura e pressão contra cientistas teístas, no mínimo se pressiona que fiquem calados e guardem suas crenças pessoais ou dúvidas pra si, enquanto que outros como Dawkins e cia podem abertamente pregar seu ateísmo mundo a afora e continuarem sendo cientistas respeitados. De preferência todos cientistas e biólogos deveriam ser ateus, como isso não acontece na prática, então o Sistema tentar ao menos difamar ou manter num gueto de ostracismo aos discordantes do Naturalismo Filosófico que hoje domina o mundo acadêmico. Vemos casos de cientistas geniais que veem suas carreiras e reputações EM RISCO por se posicionarem contra o Evolucionismo, a favor de um Criador ou do DI; biólogos, geneticistas, bioquímicos, pensemos no caso de Francis Collins, que é um evolucionista -e católico-, mas que foi e é duramente criticado mundo afora por ter se posicionado publicamente como um cientista que acredita em Deus e ter escrito livros sobre o tema da evolução teísta, repetindo, ELE NÂO CHEGOU A NEGAR A EVOLUÇÃO, mas o mero fato de se assumir religioso e não dar suporte ao ateísmo/agnosticismo já lhe rendeu perigosas difamações que põem em risco seu bom nome dentro do universo cientifico. Imagine então se ele fosse além.

    Curtido por 2 pessoas

  • karmo2010  On 28 jun 2014 at 18:27

    Obrigado, phn86. Esse é um bom livro pra leitura. Desde o início do meus comentários eu já mencionei o nome do livro, sem, contudo, explicar que se tratava de um livro.

    Enfim, encontrei alguém que conhece o livro. Boa leitura pra quem se interessou no assunto. É só relevar as partes onde o autor afirma que Jesus é Deus, o resto, até agora onde li, são argumentos muito bons, baseados no conhecimento filosófico e científico.

    Abraço!

    Curtir

  • karmo2010  On 28 jun 2014 at 18:52

    Pois é, amigo, se eles não acreditam em Deus porque não podem vê-lo, então eles abrem um precedente para não crer em várias coisas que não podemos ver:

    Por exemplo, não podemos ver o ar, isso quer dizer que o ar não existe? Não posso ver meu cérebro, quer dizer que não possuo um cérebro? Não podemos ver milhares de estrelas desconhecidas até hoje pelos cientistas, quer dizer que elas não existem? Que absurdo!

    Quando eles falam de evolução, querem se referir a microevolução, que na verdade se trata de pequenas variações na espécie, e nunca na transformação de uma espécie em outra, coisa jamais presenciada por ninguém, sob a desculpa de serem necessários milhares de anos para que ela aconteça.

    Acaba se tornando uma questão de fé, crer que o sapo se transforma em príncipe depois de milhares de anos. Como disse Ron Carlson:

    “No ensino básico, me ensinaram que um sapo transformando-se num príncipe era um conto de fadas. Na universidade, me ensinaram que um sapo transformando-se num príncipe era um fato! ”

    Com certeza exige muita fé para se ser ateu. E como já disse, NÃO TENHO FÉ SUFICIENTE PARA SER ATEU.

    Curtir

  • karmo2010  On 29 jun 2014 at 11:01

    Já tinha ouvido esse relato num discurso numa Assembléia. Ótima analogia para os ateus refletirem em quão insensatos eles estão sendo ao culparem Deus por todos os problemas que existem.

    Curtir

  • Saga  On 1 jul 2014 at 22:40

    Karmo, olha que interessante

    http://www.criacionismo.com.br/2014/07/querem-ressuscitar-o-experimento-morto.html

    Curtido por 1 pessoa

  • karmo2010  On 2 jul 2014 at 22:18

    Saga, eles só vão conseguir ressuscitar esse “morto” se os cientistas envolvidos na repetição da experiencia forem cegos, mudos, surdos e de quociente de inteligência menor que zero.

    Só assim eles conseguiriam reproduzir as forças naturais em ação na origem da vida.

    Curtir

  • ethym  On 6 jul 2014 at 15:48

    os ateus são [MODERADO]….pra eles uso só o argumento da primeira causa…o argumento cosmológico.

    Curtir

  • Caio Dias  On 8 jul 2014 at 12:35

    Queruvim, você já viu esse vídeo onde um entusiasmado ateu diz ter achado provas suficientemente boas para se crer que a bíblia vem do politeísmo da Suméria?

    https://www.youtube.com/watch

    Curtir

  • Queruvim  On 9 jul 2014 at 21:28

    Este rapaz do vídeo cita uma passagem onde os antigos Israelitas foram censurados por Jeová por estarem adorando os deuses das nações.(1 Reis 11:33). Apresenta logo de início tal passagem, que segundo ele, “prova” que o antigo Israel adorava “vários deuses”. Observe como ele generaliza, como se todos os israelitas estivessem “adorando” vários deuses. Na realidade durante diversas ocasiões os israelitas fizeram isso. Mas não foi algo que sempre envolvia a TODOS os israelitas. Quando Ex. 15:11 diz sobre Jeová: ” quem és tu entre os deuses” o rapaz do vídeo em sua visão distorcida entende que os Israelitas estavam reconhecendo a autoridade de OUTROS deuses. Na verdade, a Bíblia ao usar a palavra “deuses” não está assumindo politeísmo, mas chamando a outros de “poderosos”. Os anjos são chamados de Elohim/deuses no Salmo 8:5 e são assim encarados de modo legítimo pelos israelitas que foram usados por Deus para escrever a Bíblia. A visão deste crítico é superficial e preconcebida, a respeito do uso e significado da palavra Deus nas Escrituras Sagradas. Está acusando o antigo povo de Jeová de “politeísmo” da mesma forma que os evangélicos acusam hoje as Testemunhas de Jeová de “politeísmo”. Isto se dá visto que estes críticos não entendem nem sequer o significado da palavra POLITEÍSTA. Paulo sob inspiração divina falou de alguns que estão “sempre aprendendo, contudo, nunca podendo chegar a um conhecimento EXATO da verdade”. 2 Tim 3:7

    Curtir

  • Caio Dias  On 10 jul 2014 at 12:01

    Concordo com o que disse, e mais, pelo que eu percebi, e o que eu percebo em todos eles, é que fazem uma rápida leitura da bíblia a procura de provas para apoiar seus argumentos pré-concebidos das escrituras. Acho que agem de má fé ao fazerem isso, se ao menos fossem sinceros e tirassem tempo para realmente estudar a bíblia, não estariam falando bobagens pela internet. Adolescência perdida essa daí viu? Obrigado pela rápida resposta Queruvim.

    Curtido por 1 pessoa

  • foxhound  On 15 jul 2014 at 10:42

    De uma analizada no cd-rom da sociedade na despertai de 81 sobre o tema O Dilúvio — visto desde a antiga Mesopotâmia e também o livro o homem em busca de Deus 3capitulo. vai gostar.
    um abraço.

    queruvim interessante o ultimo post sobre a trindade achei show. Um ótimo trabalho do irmão que contribuiu.

    Curtido por 1 pessoa

  • O Protestante  On 15 jul 2014 at 21:59

    Kkkkkk, só rindo dele. Não assisti o vídeo, mas, como já li em outro lugar o que ele fala, eu sei muito bem o que ele vai falar.
    Há 4 grandes diferenças entre os relatos sumérios e os relatos bíblicos da criação que, se forem analisados, derrubam a hipótese de que o relato de Gênesis veio dos relatos sumérios:
    1º Os relatos sumérios associam e mencionam vários deuses, enquanto os bíblicos falam de apenas um Deus realizando o processo de criação. Parece uma diferença “óbvia”, porém, qualquer um que entende do mínimo de crítica textual sabe que relatos, quaisquer que sejam as formas nas quais eles são, transmitidos, tendem a evoluir de uma versão menor para uma versão maior. Acho que eu não preciso explicar esse ponto mais.
    2º Outra grande diferença é que os relatos sumérios falam de uma grande batalha ocorrendo antes da criação, com o deus vencedor criando a humanidade, a terra e tudo mais. Enquanto isso, na Bíblia, vemos um processo que poderia ser caracterizado como pacífico.
    3º Uma diferença importante e que é simplesmente “atropelada” por esses “erudetos” é o papel e a importância do homem criado por Deus: Enquanto nos cuneiformes sumérios, ele é criado para ser um “escravo” dos deuses, um mero troféu da vitória do deus vencedor(que, se eu não me engano, é Marduque); a Bíblia fala do homem sendo criado como um ser perfeito, à imagem de Deus e para ser o governante da Terra.
    4º A última, e provavelmente a mais importante são as genealogias: todos os manuscritos hebraicos sempre contarão com genealogias. Enquanto isso, nos cuneiformes sumérios não vemos nada disso, aliás, eles são escritos na forma de épico/epopeia, o que não permite com que haja qualquer tipo de genealogia.
    Analise esses quatro pontos e me diga: diante de tudo isso faz sentido dizer que a Bíblia veio dos cuneiformes sumérios?
    Devo dizer que essa teoria de que a bíblia é um plágio dos escritos sumérios é uma teoria relativamente recente, e ainda por cima não é aceita pelos especialistas mais sérios.
    Ah, e já que estamos aí, quero saber que diploma de hebraico e sumério esse cara tem. Ah, ele não deve ter nenhum: ele deve ter pego os textos recortados da internet de algum site antirreligioso.

    E, como o Queruvim falou, sempre havia momentos onde os Israelitas abandonavam Jeová e começavam a adorar os ídolos de nações vizinhas. Isso não é novidade pra ninguém, e é risível ver gente por aí pegando isso como uma “evidência” de que Israel era inicialmente politeísta.

    Curtido por 1 pessoa

  • O Protestante  On 15 jul 2014 at 22:12

    Além do que eu falei, recomendo que você leia também essa pequena réplica ao vídeo mencionado, que eu li a um tempo atrás:
    https://festivaldebesteirasateistas.wordpress.com/2012/04/21/a-biblia-veio-do-politeismo-da-sumeria/
    É bem basiquinha, mas mostra muito bem as falácias empregadas pelo indivíduo autor do vídeo.

    Curtir

  • karmo2010  On 16 jul 2014 at 11:21

    Amigo, isso eh uma verdadeira guerra entre forças espirituais iníquas e forças espirituais cristãs. E os ateus são as marionetes usadas para divulgar essas falácias contra as inspiradas escrituras.

    Nem mesmo a palavra hebraica elohim daria margem para tal interpretação, pois eh usada para designar tanto deuses, como deus, no singular, como plural majestático, tal como no nosso idioma se diz “Vossa excelência”.

    Mas até o fim, os arquinimigos da verdade procurarão desacreditar as escrituras da verdade, não eh surpresa.

    Curtido por 1 pessoa

  • arielsonhc  On 16 jul 2014 at 17:11

    Envie um EMAIL espero respostas o mais rápido possível agradeço.

    Curtir

  • O Protestante  On 17 jul 2014 at 20:19

    Elohim….. Eu me lembro quando eu era leigo sobre assuntos de estudos escriturais: uma vez, num fórum aleatório por aí, havia uma discussão de religião, e, nessa discussão, um ateu, que alegava ser um ex-cristão, estava dizendo que a bíblia veio do politeísmo e usou justamente esse argumento argumento da palavra Elohim e até alegou que “sabia hebraico”, então sabia do que estava falando. Naquela época, por ainda ser leigo, não pude replicar corretamente…..
    Mas, voltando ao assunto: concordo plenamente com o sr.

    Curtir

  • Oliveira  On 17 jul 2014 at 22:31

    Queruvim, Protestante, Caio Dias, Foxhound e Karmo.

    Vejam que interessante: http://lo*******ogetica.com/**********
    Isso não é nada mais nada menos que um artigo de A Sentinela de 01 de Abril de 1974, a mesma matéria editada (Note estes exemplos: “Jeová” é substituído por “Deus” ou “Senhor” e “Superintendente” por “Bispo”)

    Esta aqui: http://l****************/ foi retirada da Despertai de 08 de Janeiro de 1983 passando pelo mesmo processo de edição que citei acima, embora a expressão “poder além do normal” encontrada na TNM tenha se mantido.

    É o aborto a solução? http:/*****************/ tirado da Despertai de 22 de Dezembro de 1975,

    Curtir

  • Oliveira  On 18 jul 2014 at 4:15

    Continuando, o caso de matéria plagiada do site em questão:

    Este http:0000000000000.com/pais-conversem-filhos-toxicos/ ( Neste caso a parte que dizia “Gostaria de apanhar nosso exemplar de The Kingdon Interlinear Translation of the Greek Scriptures (Tradução Interlinear do Reino das Escrituras Gregas), Robertinho?”” virou “Pode pegar um interlinear, Robertinho?” ) foi copiado da revista g74 8/11 (Despertai de 8 de Novembro de 1974).

    http://00000000000000000.com/o-abuso-sexual-de-criancas-quem-faria-uma-coisa-dessas/ vem de g85 8/6 (Despertai de 8 de Junho de 1985)

    http://00000000000000000000.com/a-hipocrisia-e-os-jovens/ de g70 8/4 (Despertai 8 de Março de 1970)

    http://000000000000.com/o-perigo-de-dirigir-depois-de-beber/ vem da g86 22/2 (Despertai 22 de Fevereiro de 1986)

    http:/000000000000000.com/que-ha-de-errado-com-as-minhas-musicas/ da g93 8/2 (Despertai de 8 de Fevereiro de 1993)

    http://00000000000000000000.com/ha-algum-problema-em-ouvir-rock-alternativo/ da g96 22/11 (Despertai de 22 de Novembro de 1996)

    http://0000000000000000000000.com/etica-uma-caracteristica-bem-distinta-do-ser-humano/
    de w04 1/12 (Sentinela de 1 de Dezembro de 2004)

    http://00000000000000000000.com/sou-deficiente-fisico-mas-consigo-dirigir/da g96 8/5 (Despertai de 8 de Maio de 1996)

    http://000000000000com/o-segredo-duma-vida-feliz-em-familia/ da w77 15/4 (Sentinela de 15 de Abril de 1977)

    http://0000000000000.com/o-que-leva-um-homem-a-bater-na-mulher/ de g01 8/11 (Despertai de 8 de Novembro de 2001)

    http://00000000000000.com/como-podemos-explicar-o-conceito-da-biblia-sobre-a-homossexualidade/ de g 12/10 (Despertai de Dezembro de 2010) ou o livro yp1 cap. 23 p. 165 (Os Jovens Perguntam)

    http://00000000000000000.com/o-que-e-um-pre-embriao/ da g04 22/9 (Despertai de 22 de Setembro de 2004)

    http://00000000000000000000.com/qual-e-a-verdade-sobre-os-rolos-do-mar-morto/ de w01 15/2 (Sentinela de 15 de Fevereiro de 2001)

    http://00000000000000.com/biblia-ensina-existencia-unicornios/ (Edição feita : omissão a menção original que é feita a TNM) foi tirado de w92 1/6 (Sentinela de 1 de Junho de 1992)

    Este artigo: http://00000000000000.com/quem-e-culpado-voce-ou-seus-genes/
    (Exemplos de Edições [curioso que desta vez mudanças maiores foram feitas]:

    • Esta parte inteira foi OMITIDA: É evidente que Satanás, “o governante deste mundo”, moldou o ambiente para satisfazer os desejos mais sórdidos do homem. E quem pode negar a forte influência que tal ambiente exerce sobre todos nós? — João 12:31; Efésios 6:12; Revelação (Apocalipse) 12:9, 12
    • “Numa cidade pequena, entrei num Salão do Reino das Testemunhas de Jeová enquanto realizavam uma reunião e escutei o discurso, que falava de um futuro paraíso. Depois, conheci algumas das Testemunhas e fui convidado a uma assembléia. Aquela assembléia foi uma revelação para mim — ver famílias felizes adorando a Deus juntas. Comecei a estudar a Bíblia com as Testemunhas de Jeová" virou“Numa cidade pequena, entrei numa igreja enquanto realizavam uma reunião e escutei o discurso, que falava de um futuro paraíso. Depois, conheci alguns dos cristãos e fui convidado a uma reunião. Aquela reunião0 foi uma revelação para mim — ver famílias felizes adorando a Deus juntas. Comecei a mudar de comportamento“
    • “Depois de estudar por 14 meses, dediquei minha vida a Jeová e fui batizado. Pela primeira vez na vida tinha verdadeiros amigos. Tenho conseguido ajudar outros a aprender a verdade da Bíblia, e sirvo agora como servo ministerial na congregação cristã. Jeová realmente me abençoou.” virou Depois de estudar por 14 meses, dediquei minha vida a Deus e fui batizado. Pela primeira vez na vida tinha verdadeiros amigos. Tenho conseguido ajudar outros a aprender a verdade da Bíblia, e sirvo agora na Igreja. Deus realmente me abençoou.”) este artigo foi retirado de w02 1/6 (Sentinela de 1 de Junho de 2002)

    http://00000000000000000.com/os-maleficios-da-pornografia/ da g83 22/10 (Despertai de 22 de Outubro de 1983)

    É interessante que ver que outras matérias indicam a fonte original, na maioria dos casos o responsável do site atuando como um mero tradutor, mas as matérias da Watchtower ficam sem a indicação de fonte. (No último link, alguém no Facebook questionou-o sobre a fonte original e se ele respondeu, o fez em modo privado),

    OBS1: É engraçado que pensei que era uma matéria ou duas, aí ia linkar todas, mas acabei por perder as contas de quanto do conteúdo do site é plagiado, estou digitando e ainda achando mais matérias copiadas! Se percebe que provavelmente ele tem acesso ao CD ROM Watchtower Library.

    CONCLUSÃO: Então, esse tipo de conduta legalmente resulta em que? No plagiador tendo de por a mão no bolso e pagar indenização a vitima no processo? Pensem bem, aqueles leitores que chegam comentando bem animados, elogiando a boa matéria ou a compartilhando dão os méritos ao….dono do site E NÂO A ASSOCIAÇÃO pela qualidade das matérias e reportagens que faz, são pessoas que se sentiriam mais motivadas a aceitar nossas publicações ou acessar o JW.org ao saberem quem escreve aquelas matérias tão boas (não são meras citações de nossas revistas que esse site faz, são as matérias inteiras! Isso porque estamos falando de um site que pede doações, ou seja, pode ganhar dinheiro com sua atividade, não seria mais justo ganhar seu dinheirinho por meio de matérias de próprio punho em vez de por trabalho alheio?).

    Curtir

  • Saga  On 18 jul 2014 at 6:26

    "Realmente observamos parágrafos seguidos de textos no final e no meio dos parágrafos. Textos estes confirmando as declarações. Algo típico dos verdadeiros cristãos"

    Sim, notei pelo estilo de escrever!
    Ler seguidos incentivos para regularmente se ler e ESTUDAR A BÍBLIA e ASSISTIR REUNIÕES CRISTÃS, rotina espiritual que livrou pessoas do ateísmo, homossexualidade, do vício do álcool e pornografia??? Ora, católicos e protestantes não diriam isso nunca!!! Mais fácil católico mandar rezar o terço a “Nossa Senhora”, a Cristandade não usa “frequentar reuniões cristãs” e sim “ir a Missa” ou “ir ao Culto”.

    Então eu estranhei, inclusive porque a qualidade do que é escrito no site é de mediana pra ruim, em especial quando o autor não está colando de alguém. Depois fui conferir e me assustei com o que descobri!!

    Quem é o autor desta página?"
    É um individuo metido a apologista católico, como tem aqueles evangélicos “anti-seita”, e parece ter alguma paixão mal resolvida pelas JWs. Não sei medir, mas chutemos que entre 30 ou 40% dos artigos publicados no site são material não creditado da Watchtower, porque são muitos! É toda a parte de saúde e conselhos familiares e 99% da parte de ética são da Associação.
    Soa ridículo um católico recomendando um texto que incentiva o estudo bíblico familiar, que sem créditos, fica como se fosse dele.

    "Só pode ser plágio! Está é a prova de que nada que estes opositores escrevem deve ser levado a sério. Pois plagiam o que não tem capacidade de criar ao passo que criticam as doutrinas que divergem de sua visão deturpada"

    Desculpe mas terei que remover os links por ser a página de um opositor
    Os links eram para você comprovar que eram matérias da Associação, esperava realmente que editasse, tanto que nem citei o nome dele. Mas você pode ver com seus próprios olhos que os artigos linkados são todos da Sentinela ou Despertai.

    Ele não é um simples crítico, não
    Achei a capacidade dele bem limitada, por isso se apoia em control C, control V textos alheios, sim, porque 99,999% do conteúdo do site ele não escreve uma linha que seja. Eu acho ridículo é o número de apologistas evangélicos que ele cita (alias COPIA), fontes não apenas de teor não-católico mas anticatólico! Ou seja, grande parte das matérias são copiada e colada de autores evangélicos e outra boa parte da literatura das Testemunhas de Jeová, assim o site fica um grande frankstein inconsistente, pois ele não edita e filtra o suficiente para deixar tudo com o sabor católico romano. Parece que ele não percebe o que os outros escrevem, tem um certo “analfabetismo funcional” em não entender completamente o que certos autores que publica estão dizendo ou onde querem chegar. Veja esse artigo http:oooooooooooo.com/refutacao-artigo-caca-bruxas-europa-testemunhas-jeova/ e perceba o incrível analfabetismo em entender o que este texto simples http://www.jw.org/pt/publicacoes/revistas/g201405/caca-as-bruxas-na-europa/ quis dizer. A Associação publica material de fácil leitura, bem didático e objetivo sem rodeios com uma mensagem clara e um argumento perfeito, enquanto este carinha publica coisas desse tipo http://000000000000.com/ninguem-vem-pai-ninguem-pai-joao-146-respondendo-tj/ onde além de dar várias voltas, sair do tema e não chegar a lugar nenhum nem mesmo entende o que você queria dizer. Nesta matéria http://000000000000000000000.com/sofrimento-antropomorfismo/ ele consente em dizer que Cristo e Maria são um (“ela é um com o Filho”), kkkkk.

    Curtir

  • O Protestante  On 18 jul 2014 at 15:01

    É… O indivíduo crítica as TJs com veemência, mas na hora de precisar de uma artigo faz plágio do do grupo que ele mesmo considera como herege…

    Curtido por 1 pessoa

  • phn86  On 18 jul 2014 at 15:01

    O site está registrado no nome de Cesar Abeid, amigo desse Emerson que parece ser o proprietário.

    Curtido por 1 pessoa

  • Euclides Alcantara  On 19 jul 2014 at 6:22

    A gente poderia expor ele, colocando o link da materia original

    Curtido por 1 pessoa

  • foxhound  On 19 jul 2014 at 13:40

    Duas coisas que gostaria de citar, primeiro o alimento que temos é sem duvida superior a qualquer outra fonte, vc oliveira mostrou que o plagiador usou matérias, algumas de quase quarenta anos atrás e tão útil para os dias atuais.

    e o segundo é de notar um homem incapaz, invejoso, covarde sem capacidade, aproveitador,mentiroso( igual ao deus dele) que ao usar matérias de tão grande qualidade não vai poder ajudar mais intensamente seus leitores, a não ser que estes possam enxergar a verdade quando elas baterem em suas portas,( tjs ) e notarem o tom único da verdade.

    um abraço a todos os meus irmãos que aqui participam ou que somente leem as maravilhosas matérias sem nunca ter participado uma única vez.
    agora aos opositores que aqui passam continuem rangendo seus dentes. ( invejosos)

    Curtido por 1 pessoa

  • Maria Gonçalves  On 20 jul 2014 at 18:42

    Corrigindo:
    Considero-me ateia mas não descarto a hipótese de existir um deus, uma origem, e que este deus suplanta o deus bíblico, uma pálida imagem que os homens ao longo das épocas foram formando para suprir os seus anseios. Quando chegou o momento histórico em que Jesus iniciou a sua vida pública, a mentalidade dos judeus estava influenciada pelas culturas grega e romana. Daí, a aceitação de um deus diferente, de um «filho» de deus à semelhança dos deuses que povoavam as terras conquistadas pelos romanos. O trabalho de evangelização de S. Paulo foi duro mas encontrou terreno mais maleável nos gentios que já não estranhavam essa divindade filha de outra divindade suprema. Por isso, a igreja primitiva cresceu.
    Bom, estas considerações, se calhar, não vêm ao caso. Gosto de ler outras opiniões e já tenho conversado com TJ na rua. Mas aderir, eu não consigo. Penso que iria privar-me da minha liberdade de pensar e, acima de tudo, não concordo com a questão do sangue. O meu coração quer crer naquilo que a razão me nega e, por vezes, entro em conflito comigo mesma. Saudações.

    Curtir

  • Saga  On 22 jul 2014 at 22:32

    “Maria Gonçalves On 20 de julho de 2014 at 18:42 Considero-me ateia mas não descarto a hipótese de existir um deus, uma origem, e que este deus suplanta o deus bíblico, uma pálida imagem que os homens ao longo das épocas foram formando para suprir os seus anseios”

    Os desejos dos homens são guerra, vingança, luxúria, prazer e bens materiais, algo a acrescentar? Pois então, quem supre os desejos dos homens são os deuses politeístas (incluindo os lascivos gregos e romanos)

    “a mentalidade dos judeus estava influenciada pelas culturas grega e romana. Daí, a aceitação de um deus diferente, de um «filho» de deus à semelhança dos deuses que povoavam as terras conquistadas pelos romanos […] Por isso, a igreja primitiva cresceu”

    Não existe na Religião Grega e Romana nada similar a Doutrina Cristã, por isso rolava conflito sério dos cristãos com os sábios, filósofos e os poderosos da época. Não se deve nunca confundir a multiplicidade de deuses, deusas e semideuses greco-romanos com a visão de mundo judaico-cristã a respeito de Jeová, do Messias Cristão, do Espírito de Deus, dos Anjos e Demônios.

    Curtido por 1 pessoa

  • Euclides Alcantara  On 23 jul 2014 at 6:07

    Nunca siga seu coração: “O coração é mais traiçoeiro do que qualquer outra coisa e está desesperado.” (Je 17:9), não te priva da liberdade de pensar, pois o objetivo das Testemunhas de Jeová não é que a pessoa aceite de pronto aquilo que lhe é proposto mas sim que você com um exame sincero e constante venha a aprender que aquilo que está na Bíblia é a verdade, ou seja, nós incentivamos o uso da razão, não o uso das emoções e etc. eu sugiro que você leia ou peça as JW’s essas publicações: Origem da Vida, A — Cinco Perguntas Que Merecem Resposta (http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/1102010341#h=5:0-6:239); EXISTE UM CRIADOR QUE SE IMPORTA COM VOCÊ? ; A Bíblia — Palavra de Deus ou de homem? e por último; O Homem em Busca de Deus . são ótimas publicações que podem te ajudar a raciocinar mais sobre esse assunto.

    Curtido por 1 pessoa

  • karmo2010  On 23 jul 2014 at 22:18

    Saudações, Maria Gonçalves, seja bem-vinda ao site.

    “Considero-me ateia mas não descarto a hipótese de existir um deus, uma origem, e que este deus suplanta o deus bíblico”

    Sua frase parece soar agnóstica, ou seja, parece que você acha que Deus é desconhecível, impossível de se conhecer, ou que você o conhece melhor do que os cristãos. Fiquei confuso sobre esse ponto, pode esclarecer melhor? Suplanta o deus bíblico? Como assim? Pelo que sei, o Deus bíblico é fartamente documentado, representado por personagem histórico, na pessoa de Jesus Cristo, o Filho de Deus, e nas páginas da Bíblia se diz muito a respeito de Jeová, o Criador dos céus e da terra.

    “…uma pálida imagem que os homens ao longo das épocas foram formando para suprir os seus anseios.”

    Uma pálida imagem? Como assim? Para uma afirmação como essa, você, embora atéia, deve ter um conceito de deus superior ao dos cristãos. Queira, por gentileza, nos informar sobre essa nova idéia de deus.

    ” Quando chegou o momento histórico em que Jesus iniciou a sua vida pública, a mentalidade dos judeus estava influenciada pelas culturas grega e romana.”

    Concordo, mas até certo ponto. Nem todos os judeus estavam contaminados com as idéias pagãs das culturas gregas e romanas ao seus redor. Muitos esperavam fielmente o Messias, adorando o Deus dos judeus de modo fiel as tradições hebraicas.

    ” Daí, a aceitação de um deus diferente, de um «filho» de deus à semelhança dos deuses que povoavam as terras conquistadas pelos romanos.”

    A idéia de que Deus tem filhos não era novidade na época em que Jesus pisou na Terra. Os salmos e outros livros bíblicos, como o de Jó, escrito perto da época de Moisés, já mencionava as criaturas espirituais como os filhos de Deus. É muito improvável que essa fosse uma influência greco-romana.

    ” O trabalho de evangelização de S. Paulo foi duro mas encontrou terreno mais maleável nos gentios que já não estranhavam essa divindade filha de outra divindade suprema.”

    O trabalho do APÓSTOLO PAULO foi diligente em divulgar a mensagem do Reino de Deus nas mãos de Seu Filho Jesus Cristo. Os gentios tanto estranhavam a idéia da adoração de único Deus, que tinham erguido um altar ao “Deus desconhecido” em Atenas, onde o apóstolo Paulo pregou ao cidadãos dali, informando-os da necessidade de conhecer esse “Deus desconhecido” e vir adorá-lo. (Atos 17:23-28)

    ” Por isso, a igreja primitiva cresceu.”

    Sim, pelo trabalho amoroso dos cristãos ungidos e seus associados e a ajuda do espírito santo de Jeová Deus. E cresce até hoje, com a divulgação das boas novas através de seus testemunhas cristãs e fiéis de Jeová.

    “Bom, estas considerações, se calhar, não vêm ao caso. Gosto de ler outras opiniões e já tenho conversado com TJ na rua. Mas aderir, eu não consigo. Penso que iria privar-me da minha liberdade de pensar e, acima de tudo, não concordo com a questão do sangue. O meu coração quer crer naquilo que a razão me nega e, por vezes, entro em conflito comigo mesma. Saudações.”

    Fique tranquila, todos nós aqui temos liberdade de pensamento. O que não temos é liberdade de ofender as pessoas por causa de suas crenças. Se, por exemplo, alguém acredita que perder a vida eterna vale a pena o preço de garantir a vida temporária aqui, por causa do sangue, então temos de respeitar essa opinião. Mas não vamos deixar de comunicar os motivos para crermos que devemos nos abster de sangue.

    Até a próxima!

    Curtir

  • lais  On 24 jul 2014 at 16:11

    Ó um link ae…
    (‘Uma experiência animadora’,parágrafo 3,4
    http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/2002402?q=Depois+de+estudar+por+14+meses&p=par)

    Curtido por 1 pessoa

  • lais  On 24 jul 2014 at 20:17

    Tó mais alguns links:
    Sentinela de 1 de Dezembro de 2004:http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/2004880?q=Jodie+%C3%A9+avaliador+de+bens+em+invent%C3%A1rios&p=par
    Despertai de 8 de Novembro 2001:http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/102001802?q=O+que+leva+um+homem+a+bater+na+mulher&p=par
    (de g 12/10 (Despertai de Dezembro de 2010) ou o livro yp1 cap. 23 p. 165 (Os Jovens Perguntam)http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/1102011149?q=Como+posso+explicar+o+conceito+da+B%C3%ADblia&p=par
    (Despertai de 22 de Setembro de 2004)http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/102004682?q=O+que+%C3%A9+um+pr%C3%A9-embri%C3%A3o&p=par
    (Sentinela de 15 de Fevereiro de 2001)http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/2001120?q=Qual+%C3%A9+a+verdade+sobre+os+Rolos+do+Mar+Morto&p=par

    As matérias das publicações de 1985,1970 etc eu só vi no CD rum mesmo rsrs,Seria bom tirar um print….
    Mais,que dahora,ele lê as publicaçãoes das TJs,e usa para ensinar no site dele,só não curti os plágios,na parte da troca do nome de Jeová por Deus e tals..

    Curtido por 1 pessoa

  • lais  On 24 jul 2014 at 21:40

    (Na minha opinião).As pessoas que não acreditam em Deus,isso acontece,porque elas não chegaram a conhecer o ‘verdadeiro Deus’,
    em Tiago 4:8 diz:Chegai-vos a Deus,e ele se chegará a vós,e como podemos fazer isso?Observando os seus mandamentos 1João 5:3,e aonde observamos esses mandamentos?na sua palavra-a bíblia João 17:17,e foi dessa forma que me fez crer fielmente em Jeová Deus,como não podemos ver Jeová,pois ele é espírito,nóis podemos sentir que ele existe,assim como o vento que não podemos ver mais sentimos,ou o amor,vc acredita no amor?Então,o amor é a mesma coisa,não o vemos,sentimos,,,,E foi lendo a palavra de Jeová,e absorvendo seus mandamentos,e aplicando em minha vida,que eu senti e vi que Jeová realmente existe,e como?Nas minhas orações respondidas,e etc..E entre outras coisas,que se vc for ler a bíblia com carinho,e for pesquisar,vc verá que tem coisas que estão preditas nela que já estão acontecendo,Mateus 24,25,etc.#FicaAdica.

    Curtido por 1 pessoa

  • lais  On 24 jul 2014 at 21:51

    corrigindo:(Na minha opinião).As pessoas que não acreditam em Deus,isso acontece,porque elas não chegaram a conhecer o ‘verdadeiro Deus’,
    em Tiago 4:8 diz:Chegai-vos a Deus,e ele se chegará a vós,e como podemos fazer isso?Observando os seus mandamentos 1João 5:3,e aonde observamos esses mandamentos?na sua palavra-a bíblia João 17:17,e tbm em oração Salmos 65:2,e foi dessa forma que me fez crer fielmente em Jeová Deus,como não podemos ver Jeová,pois ele é espírito,nóis podemos sentir que ele existe,assim como o vento que não podemos ver mais sentimos,ou o amor,vc acredita no amor?Então,o amor é a mesma coisa,não o vemos,sentimos,,,,E foi lendo a palavra de Jeová,e absorvendo seus mandamentos,e aplicando em minha vida,que eu senti e vi que Jeová realmente existe,e como?Nas minhas orações respondidas,e etc..E entre outras coisas,que se vc for ler a bíblia com carinho,e for pesquisar,vc verá que tem coisas que estão preditas nela que já estão acontecendo,Mateus 24,25,etc.#FicaAdica.

    Curtido por 1 pessoa

  • lais  On 24 jul 2014 at 23:53

    Corrigindo:Tó mais alguns links:
    Sentinela de 1 de Dezembro de 2004:http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/2004880?q=Jodie+%C3%A9+avaliador+de+bens+em+invent%C3%A1rios&p=par
    Despertai de 8 de Novembro 2001:http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/102001802?q=O+que+leva+um+homem+a+bater+na+mulher&p=par
    (de g 12/10 (Despertai de Dezembro de 2010) ou o livro yp1 cap. 23 p. 165 (Os Jovens Perguntam)http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/1102011149?q=Como+posso+explicar+o+conceito+da+B%C3%ADblia&p=par
    (Despertai de 22 de Setembro de 2004)http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/102004682?q=O+que+%C3%A9+um+pr%C3%A9-embri%C3%A3o&p=par
    (Sentinela de 15 de Fevereiro de 2001)http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/2001120?q=Qual+%C3%A9+a+verdade+sobre+os+Rolos+do+Mar+Morto&p=par
    As matérias das publicações de 1985,1970 etc eu só vi no CD rum mesmo rsrs,Seria bom tirar um print….
    Mais,que dahora,ele lê as publicações das TJs,e usa para ensinar no site dele,só não curti a parte que ele troca o nome de Jeová por Deus e tals..Á,e podia citar da onde se origina a matéria,ou citar que a matéria vem das publicações das TJs.

    Curtido por 1 pessoa

  • lais  On 25 jul 2014 at 11:55

    Continuando:’vc verá que tem coisas que estão preditas nela que já estão acontecendo’,que já aconteceu,e que ainda vái acontecer,Apocalipse 21:4,..E tbm com a leitura da bíblia,vc verá que o que ela diz,faz todo sentido,por ex,pq o mundo está desse jeito,’horrivel’,Apocalipse 12:9,1João5:19,2Timóteo3:1-5,
    (http://www.jw.org/pt/publicacoes/livros/biblia-ensina/qual-e-a-verdade-sobre-deus/
    http://www.jw.org/pt/publicacoes/livros/biblia-ensina/qual-e-o-proposito-de-deus-para-a-terra/
    http://www.jw.org/pt/publicacoes/livros/biblia-ensina/estamos-vivendo-nos-ultimos-dias/
    http://www.jw.org/pt/publicacoes/livros/biblia-ensina/por-que-deus-permite-o-sofrimento/)…

    http://www.jw.org/pt/publicacoes/biblia/nwt/livros/

    Curtido por 1 pessoa

  • Saga  On 26 jul 2014 at 20:09

    E então, nesse tempo de Congresso, o que acharam dos lançamentos?

    Curtir

  • Jalmeida PG  On 28 jul 2014 at 9:19

    Ola Saga, e demais irmãos, espero que os irmãos não postem nada sobre os lançamentos (rsrsrs), o meu congresso é de 22-24/08. Muitos irmãos assim como eu estão no aguardo
    . abraços

    Curtido por 1 pessoa

  • Queruvim  On 28 jul 2014 at 16:41

    NÃO POSTAREI NADA AINDA. ^^

    Curtido por 1 pessoa

  • lais  On 29 jul 2014 at 16:23

    Vou fazer outro comentário sobre meu post anterior,porque eu acabei escrevendo com pressa,e saiu um pouco coisado,vái..

    Primeiro,uns dias atrás,eu tava lendo uma discussão na minha rede social,e tbm em outros lugares,notei que certos Ateus,confundem Deus com religião,bom,certas religiões não prega a verdade sobre O Deus,não ensinam a palavra de Deus ,a bíblia realmente,mais sim a doutrinas e os mandados de homens,

    “este absolutamente não deve mais honrar a seu pai.’ E assim invalidastes a palavra de Deus por causa da vossa tradição.  Hipócritas! Isaías profetizou aptamente a vosso respeito, quando disse:  ‘Este povo honra-me com os lábios, mas o seu coração está muito longe de mim.  É em vão que persistem em adorar-me, porque ensinam por doutrinas os mandados de homens_Mateus 15:6-9”
    Como,por ex a doutrina do inferno de fogo,ensinada em diversas religiões por ae.

    Á,Tem pessoas que não acreditam em Deus,porque “se existe um Deus bom,por que então Deus permite o sofrimento”:
    http://www.jw.org/pt/publicacoes/livros/biblia-ensina/por-que-deus-permite-o-sofrimento/ …..

    Como eu disse no meu comentário anterior,não podemos ver Deus,por que ele é espírito,mais podemos sentir ele.
    Prá isso,é importante ler e estudar a bíblia,mais ler com carinho e cuidado,analisando cada versículo,fazendo isso vc vái conhecendo a Deus.

    Aaaah olha que legal,a bíblia que foi escrita a mais de 2000 anos antes da ciência,já tinha descobrido que a terra era redonda,srsrsrs “Isaías 40:22:Há um que mora acima do CÍRCULO DA TERRA,cujos moradores são como gafanhotos,aquele que estende os céus como uma gaze fina e que os estica como uma tenda em que morar.”Agora eu lhe pergunto como que isso foi possível?

    Curtido por 1 pessoa

  • Solista S  On 30 jul 2014 at 23:46

    Pessoal, segue trecho de uma aula do poeta Ariano Suassuna onde ele fala sobre a evolução. Vale a pena assistir! kkkkkkkkkk

    Curtido por 1 pessoa

  • Queruvim  On 31 jul 2014 at 13:35

    Obrigado por partilhar.

    Curtido por 1 pessoa

  • Saga  On 31 jul 2014 at 23:56

    Motivo principal da oposição ateia a Deus, é por causa de religiões, de más experiências religiosas que tiveram, outro motivo são sofrimentos ou experiências traumáticas em sua vida, experiências que levam a uma revolta contra Deus, como sendo culpado por isso.

    Então quando ofendem “Deus”, com isso querem destratar as religiões que entendem representa-lo.

    "Primeiro,uns dias atrás,eu tava lendo uma discussão na minha rede social,e tbm em outros lugares,notei que certos Ateus,confundem Deus com religião"
    Eles não ficam debatendo sobre a existência de um Criador e sim atacando as religiões, seus ensinamentos e seu modus operandi.

    "Como,por ex a doutrina do inferno de fogo,ensinada em diversas religiões por ae. Á,Tem pessoas que não acreditam em Deus,porque “se existe um Deus bom,por que então Deus permite o sofrimento”
    Sofrimento e Inferno são essenciais para os discursos dos movimentos ateístas, porque um modus operandi ateu é atacar o caráter de Deus, o pintando como sádico, e as igrejas e outras religiões ajudam nisso o colocando como autor do inferno e responsável por todo sofrimento e tragédias do mundo. Só que isso não é argumentar contra a existência de um Criador, é uma afirmação que não querem crer a adorar a um Deus tal como pintado por essas religiões.

    "Prá isso,é importante ler e estudar a bíblia,mais ler com carinho e cuidado,analisando cada versículo,fazendo isso vc vái conhecendo a Deus"
    Ler com carinho, ler de má intenção, procurando por defeito em tudo, não adianta. Tem de ler com o coração aberto.

    "Aaaah olha que legal,a bíblia que foi escrita a mais de 2000 anos antes da ciência,já tinha descobrido que a terra era redonda,srsrsrs “Isaías 40:22:Há um que mora acima do CÍRCULO DA TERRA,cujos moradores são como gafanhotos,aquele que estende os céus como uma gaze fina e que os estica como uma tenda em que morar.”Agora eu lhe pergunto como que isso foi possível?"

    Queruvim sabe melhor do que eu, que a palavra usada nesse texto foi apropriada para descrever a Terra, pois muitos críticos acusam de não servir para falar dos astros celestes (Terra, Sol, Lua, etc) pois teria sentido de “disco”.

    Curtir

  • karmo2010  On 1 ago 2014 at 0:53

    Muito bom!!! Kkkkkkkk “… um bando de moléculas resolveu virar celulas, as celulas saíram nadando na água e entediadas resolveram se tornar machos e fêmeas, depois se transformaram em peixes, que entediados resolveram sair da água” – francamente, que imaginação fértil desses evolucionistas! Valeu! Foi muito engraçado ver o poeta sábio zombar de tamanho disparate. Dei boas risadas vendo esse vídeo, assim como a platéia que o ouviu. Os primatas que me perdoem, mas foi muito engraçado! kkkkk

    Curtir

  • Maria Gonçalves  On 3 ago 2014 at 11:03

    Olá, comentarista Karmo. Sim, o deus bíblico é documentado na bíblia mas permanece uma incógnita para mim e muitos outros. Deus encoberto pela sua glória não define nada, Deus como uma nuvem guiando os israelitas pelo deserto também não. Deus falando num arbusto ardendo, igualmente. Acredito na ideia que a humanidade teve de Deus e cujos registos foram compilados até hoje. Compreendo-a como uma necessidade decorrente das calamidades, catástrofes naturais, guerras e outros desastres. Mas, Deus não se apresenta a olhos humanos e cada qual pode pensar o que quiser dele, inclusive negá-lo. Não o faço com satisfação; há quem tenha blogs com o objetivo de se divertir com os crentes que lá vão e já os tenho acedido. Negar Deus, para mim, não é uma tentativa de revolta, mas sim uma busca. Quero entender um deus que se divide geograficamente pelo mundo, com diversos nomes, com as características próprias de cada cultura, não posso me ater a um deus limitado ao Médio Oriente antigo. A minha cultura puxa, sim, para Jesus porque ele foi um modelo para muitos na época da sua pregação. Mas o Deus de Jesus, não é somente o deus das escrituras hebraicas. Transcende o Deus de que ele tirava ensinamentos através da leitura da Thora nas sinagogas. Esse Deus não tem palavras escritas. Quem é Deus? O que é? Como é? Deus criou o universo ou Deus é a consciência coletiva gritando por socorro?

    Curtir

  • Euclides Alcantara  On 3 ago 2014 at 18:52

    Maria eu te faço um convite, eu não, Jeová o faz: “Saboreai e vede que Jeová é bom.” (Salmo 34:8)… você diz “não posso me ater a um deus limitado ao Médio Oriente antigo.” mas esse é o único Deus que se mostra real não só por suas escrituras, mas se mostra real pela arqueologia, previsões cumpridas e real ensino. Uma coisa eu não posso negar, a Bíblia é um dos poucos livros religiosos que pode se por a prova quanto a sua veracidade dos fatos ( diferente dos relados de krishna, do livro de mormon e etc..). A Bíblia atesta sobre um Deus universal, que escolheu para si um Povo, Povo esse que inicialmente veio a ser o povo Judeu(mais especificadamente de Israel) mas que sempre se mostrou preocupado com todas as nações, tanto que ele prometeu a Abraão:“TODAS as nações da terra hão de abençoar a si mesmas por meio de teu descendente.” (Gênesis 22:17, 18), e também “Deus não é parcial, mas, em cada nação, o homem que o teme e que faz a justiça lhe é aceitável.” (Atos 10:34, 35).
    Maria eu te faço o convide de conhecer não um deus qualquer, ou um deus desconhecido e indiferente, mas te convido a conhecer a Jeová, um Deus que tem nome, e se importa com todos aqueles, o Deus que providenciou a todos a esperança de vida Eterna, o Deus de Jesus. Te faço um convite de ter vida e vida eterna. Qual é sua esperança para o futuro hoje?

    Curtido por 1 pessoa

  • lais  On 3 ago 2014 at 20:54

    É isso mesmo.

    Curtir

  • karmo2010  On 4 ago 2014 at 9:08

    Olá Maria Gonçalves, tudo bem?

    Se Deus não tivesse se revelado através de Jesus e da Bíblia, eu até entenderia suas dúvidas. Mas não compreendo, do meu ponto de vista, como alguém quer ver Deus, definir Deus, sendo um mero mortal.

    Você conseguiria olhar diretamente para a luz do Sol, sem óculos de proteção? Seria capaz de entrar num lugar perigoso, cheio de radiação, sem sem ser afetada? Seria capaz de andar dentro de uma fornalha ardente, sem se queimar? TALVEZ, então, você conseguiria ver a pessoa de Deus.

    Deus é invisível, cara Maria Gonçalvez, é eterno, não pode ser visto por nenhum mortal. Certo discípulo de Jesus, num determinado momento de sua vida, desabafou:

    “Senhor, mostra-nos o Pai, e isso chega para nós.”

    Jesus disse-lhe: “Tenho estado tanto tempo convosco e ainda não vieste a conhecer-me, Filipe? Quem me tem visto, tem visto [também] o Pai. Como é que dizes: ‘Mostra-nos o Pai’? (João 14:8, 9)

    Não aceitar a revelação de Deus através da Bíblia e da pessoa de Jesus Cristo é altamente perigoso.

    O apóstolo Paulo, ao pregar aos gentios, os povos que adoravam vários outros deuses e deusas, disse:

    “O Deus que fez o mundo e todas as coisas nele, sendo, como Este é, Senhor do céu e da terra, não mora em templos feitos por mãos,  nem é assistido por mãos humanas, como se necessitasse de alguma coisa, porque ele mesmo dá a todos vida, e fôlego, e todas as coisas.”

    “É verdade que Deus não tem tomado em conta os tempos de tal ignorância, no entanto, agora ele está dizendo à humanidade que todos, em toda a parte, se arrependam. Porque ele fixou um dia em que se propôs julgar em justiça a terra habitada, por meio dum homem a quem designou, e ele tem fornecido garantia a todos os homens, visto que o ressuscitou dentre os mortos.”

    (Atos 17:24, 25, 30, 31)

    As pessoas em toda parte sempre tiveram a necessidade espiritual de se achegar a Deus, embora buscassem das mais diversas formas, estando por um longo tempo perdidas em seus caminhos religiosos. Adoravam imagens, deuses falsos e faziam toda sorte de coisas detestáveis para o Deus verdadeiro. Mas Deus não levou em conta tal tempo de ignorância, pois ainda não tinha enviado o Messias para lhes mostrar o caminho.

    Agora não há mais desculpas para as pessoas não quererem adorar ao Deus verdadeiro. Deus se revelou na pessoa de Jesus Cristo e através da Bíblia, e demonstrou o maior amor que alguém poderia demonstrar, enviando Seu único Filho para morrer em nosso favor. (João 3:16)

    Jeová Deus, revelou seu nome, e se tornou o Deus não somente dos judeus, mas de todas as pessoas de toda a Terra. Uma profecia bíblica indica que a adoração de Jeová se tornaria universal. Lemos:

    “E na parte final dos dias terá de acontecer [que] o monte da casa de Jeová ficará firmemente estabelecido acima do cume dos montes e certamente se elevará acima dos morros; e a ele terão de afluir . 3 E muitos povos certamente irão e dirão: “Vinde, e subamos ao monte de Jeová, à casa do Deus de Jacó; e ele nos instruirá sobre os seus caminhos e nós andaremos nas suas veredas.” Pois de Sião sairá [a] lei e de Jerusalém a palavra de Jeová. 4 E ele certamente fará julgamento entre as nações e resolverá as questões com respeito a muitos povos. E terão de forjar das suas espadas relhas de arado, e das suas lanças, podadeiras. Não levantará espada nação contra nação, nem aprenderão mais a guerra.
    ” (Isaías 2:1-4)

    Curtir

  • oTESTEMUNHAdeJAH  On 4 ago 2014 at 11:36

    Olá Maria,

    “Acredito na ideia que a humanidade teve de Deus e cujos registos foram compilados até hoje. Compreendo-a como uma necessidade decorrente das calamidades, catástrofes naturais, guerras e outros desastres.”

    Entendo que considere como algo indefinido os registros das escrituras onde Deus se manifesta em formas nuvem, por meio do fogo etc. Porém a Bíblia diz que Deus é um espírito. (João 4:24) E sabemos que um espírito é invisível e portanto Deus é invisível, não pode ser visto por olhos humanos. – Colossenses 1:15, note João 1:18.

    No entanto a GRANDE diferença entre Jeová e os outros “deuses” da antiguidade e da atualidade é que Jeová se denomina como UNICO Altissimo (Salmo 83:18) Como UNICO DEUS Verdadeiro (João 17:3) Ele não divide sua glória com outros deuses (Isaias 42:8). Diferentemente das culturas antigas que “criaram” um deus para adorar, o relato bíblico mostra que foi o próprio Jeová que se deu a conhecer ao homem desde a criação, não haviam desastres e nem coisas do gênero, muito menos guerras nesse período. – Gênesis 1:27-31.

    “Mas, Deus não se apresenta a olhos humanos e cada qual pode pensar o que quiser dele, inclusive negá-lo.(…) Negar Deus, para mim, não é uma tentativa de revolta, mas sim uma busca”

    “O iníquo, segundo a sua arrogância, não faz nenhuma pesquisa; Todas as suas idéias são: ‘Não há Deus!'” já dizia o Salmo 10:4. Certamente uma pesquisa com cautela e dedicação torna a inexistência de Deus como algo inconcebível. Não por necessidade humana, independe de nossa vontade sua existência. Assim como a gravidade independe de crermos nela para nos manter firmes no chão, Deus não depende de crermos nele para existir. de fato a bíblia relata que Jeová por incontáveis eras existiu sem que houvesse vida humana nem espiritual. – Salmo 90:2

    O coerente relato criativo, bem como personagens historicamente reais como reis e governantes de nações reais e arqueologicamente comprovadas e profecias infalíveis deixam um abismo considerável entre a Bíblia e quaisquer outros relatos mitológicos e religiosos. Não há comparação da lucidez bíblica com a infantilidade que ocorre nos relatos dos deuses criados pelo homem, que levavam uma bagagem cultural da época que foram inventados. Jeová é único nesse sentido, pois transcende culturas.

    Por que existe esse abismo entre os deuses criados pelo homem e o Deus Bíblico? Logicamente é por que o Deus bíblico não foi criado pelo homem. Ele mostrou como é, quem é e o que ele requer da humanidade, mostrou seus propósitos, forneceu Leis, constituiu nações, nos presenteou com um relato inspirado de sua essência e de seus atos e tratos com a humanidade, e tudo isso INDEPENDENTE da vontade humana.

    “Quero entender um deus que se divide geograficamente pelo mundo, com diversos nomes, com as características próprias de cada cultura, não posso me ater a um deus limitado ao Médio Oriente antigo.”

    A primeira parte de sua sentença deixam claro que o Deus que sofre interferência cultural é obviamente criado pelo homem. já o Deus do Médio Oriente não sofre esse tipo interferência, senão seria obrigatoriamente mais deus criado pelo homem.

    Jeová não está limitado ao Médio Oriente como você afirmou, a bíblia, sua palavra é o livro de maior circulação no mundo, já os “deuses” criados pelo homem sim, esses estão presos em limites territoriais e temporais. Os deuses egípcios por exemplo. No túmulo de faraó havia uma inscrição contendo o nome de mais de 600 deuses, são esses deuses difundidos e adorados hoje? Não! Por que? Por que foram criados pelo homem e permaneceram aprisionados na barreira do tempo e territorial. no entanto nesse mesmo período, o Deus do Médio Oriente era adorado por um número pequeno de pessoas, um número bem inferior ao total de habitantes da poderosa nação egípcia.
    Por que esse Deus sobreviveu as eras e os mais de 600 deuses não resistiram ao tempo sendo que o poder de influencia dos 600 eram superior ao de Deus do Oriente se tratando em abrangência de pessoas? Não está aqui uma prova que não depende das pessoas a existência desse Deus?

    Não podemos colocar Jeová, o Deus da bíblia num balaio junto com os demais deuses adorados na antiguidade e na atualidade. Você pode não crer em Deus, porém entender a GIGANTESCA diferença existente entre o deus bíblico e os demais deuses.

    Um abraço e fique com Jeová

    Curtido por 1 pessoa

  • Queruvim  On 16 ago 2014 at 1:50

    Gente olhem este vídeo que eu postei a alguns anos assim que comecei a aprender como editar. Faz tempo já. Achei por acaso na internet:

    http://jwbrothers.org/videos/2796/jehovah

    Curtir

  • Saga  On 16 ago 2014 at 15:29

    Qual o nome das músicas usadas?

    Curtir

  • Queruvim  On 16 ago 2014 at 18:35

    Quando postei uma cópia deste vídeo em português eu especifiquei detalhes. Mas este foi um dos primeiros vídeos que fiz e tinha muito que aprimorar na época. Hoje acho que fazer vídeos pode ser legal. Mas colocar no YOUTUBE é complicado. Visto que este canal se tornou imundo. Cheio de trolls e apostasia. SE eu fizer algum vídeo acho que postarei em página fechada mesmo.

    Curtido por 1 pessoa

  • phn86  On 16 ago 2014 at 18:46

    Há outros sites de vídeo.

    E no youtube você tem a opção de bloquear os comentários.

    Curtido por 1 pessoa

  • Queruvim  On 16 ago 2014 at 19:09

    Sei disso, mas os inimigos da adoração pura nomeiam vídeos com supostas “refutações” e acabam caindo tudo perto na busca e localização. Jeová diz “separai-vos” e Ele diz também “e cessai de tocar em coisa impura” Acho que publicar vídeos no yotube é muito complicado. Não vejo mais motivos para fazer isso. Tá ficando muito sujo a cada dia que passa. Mas isso é uma decisão de cada um, é claro.

    Curtido por 1 pessoa

  • phn86  On 16 ago 2014 at 19:45

    Então só postando aqui no WordPress mesmo, porém não sei se você tem bastante espaço aqui no servidor pra ficar upando arquivos de vídeo.

    Se sim, existem alguns plugins de WP gratuitos pra facilitar postagens/visualização da sua parte.

    Curtir

  • Victor DB  On 17 ago 2014 at 16:42

    Eu também partilho do mesmo pensamento. Quando eu acho algum vídeo interessante que penso em compartilhar com um amigo TJ eu primeiro baixo e mostro. Um exemplo recente foi o vídeo TRADUÇÃO DO NOVO MUNDO ERUDITA E CONFIÁVEL, eu baixei a sessão completa e mostrei a um primo e familiares Testemunhas de Jeová, mencionei que achei no youtube, mas desaconselhei conferir, apenas copiar os que baixei e levar pra casa. Se você olhar no feed logo ao lado facinho você vê vídeos de apóstatas.

    Curtir

  • Kyo  On 18 jul 2015 at 2:27

    1- ALGUNS VÍDEOS

    Crer em Deus é irracional?

    Argumento cosmológico kalam:

    Argumento cosmológico de Leibniz:

    Argumento teleológico:

    Argumento moral:

    Argumento ontológico modal de Alvin Platinga*: https://www.facebook.com/Apologetica.Teista/videos/1604944796431483/

    O que os ateus confundem:

    2- SUGESTÃO DE LEITURA

    Karmo2010 citou um: “Não tenho fé suficiente para ser ateu”, de Norman Geisler.

    Outro livro que acho interessante (até agora) é o “Em guarda: defenda a fé cristã com razão e precisão”, de William Lane Craig.

    E esse artigo do site Reasonable Faith: http://www.reasonablefaith.org/portuguese/o-neoateismo-e-cinco-argumentos-a-favor-de-deus

    *Eu, particularmente, acho ele meio problemático.

    Curtir

  • Kyo  On 18 jul 2015 at 2:32

    *Argumento moral: https://www.facebook.com/Apologetica.Teista/videos/1600454576880505/

    Curtir