Crer na doutrina da trindade significa…


Crer na doutrina da trindade, o que isso significa?

Significa que você nunca terá a resposta a seguinte pergunta:

Qual foi a primeiríssima criação de Jeová?

Crer nesta doutrina também significa que…

Você crê que Jesus orava a ele mesmo !

Ou seja, quando foi ressuscitar Lazaro o relato diz  que ” Jesus levantou então os olhos para o céu e disse: “Pai, eu te agradeço que me ouviste.42Deveras, eu sabia que sempre me ouves; mas falei por causa da multidão parada aqui, a fim de que creiam que tu me enviaste.”43E, ao ter dito estas coisas, clamou com voz alta: “Lázaro, vem para fora!” João 11:41

O que Jesus queria que a multidão pensasse? Jesus queria que a multidão glorificasse a quem? A ele mesmo? Crer na trindade significa que você acredita no oposto do que Jesus queria que as pessoas pensassem! Significa também imaginar que Jesus ao orar no momento em que ressuscitava Lazaro, estava falando com um outra parte de si mesmo e que agradecia a si mesmo ou ainda que enviou a si mesmo.

Crer na doutrina da trindade significa que você não entende direito quem é Deus e vai dizer que ele é um mistério! Ao dizer que ele é um “mistério” estará afirmando que o que defende pode estar errado! Como poderá ensinar com autoridade sobre aquilo que é um “mistério”?

Crer nesta doutrina significa que Você ora a Jesus por intermédio de Jesus! A Bíblia porém diz que devemos fazer nossas petições a Deus ‘por intermédio de Jesus. Em João 15:16 Jesus diz para “pedirmos ao Pai em meu nome” , disse ele. Ele não disse para orarmos a Jesus em nome de Jesus.

Crer na trindade significa que acreditará que por ocasião do batismo quando uma voz disse “Este é o meu filho amado a quem tenho aprovado” era Deus abençoando ele mesmo e dizendo que ama a ele mesmo e que aprovava a ele mesmo!

Significa crer também que quando Jesus disse que havia algumas coisas que ele não sabia , mas somente o Pai, ele estava mentindo! (leia Mateus 24:36)

Crer na trindade significa que Paulo quando falou do “Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo” ( Ef. 1:17) estava falando da mesma pessoa. Ou seja, você acredita que O Pai é o filho e o filho é o Pai. Isso é pensamento “modalista”. Este originou-se da influência filosofica grega pagã, incluindo as teses de Euclides e Aristóteles , que baseavam a sua lógica no Monismo e nos argumentos aristotélicos sobre o conceito da energeia (energia) chamada metafísica, bem como de “essência”. Termos não encontrados na Bíblia , com referência a Deus.

Crer na trindade significa crer em uma palavra e doutrina que não é apresentada em nenhum lugar na Bíblia.De fato, não há verso algum que apoie tal doutrina. Nesta página foi feito um desafio e nenhum teólogo brasileiro apresentou um verso na Bíblia que expresse tal doutrina. Isto é uma fato, não existe versículo algum que fale de um Deus trino.

Crer na trindade significa que terá que rejeitar textos que dizem que “Deus é um só” tais como Galatas 3:20 onde usa a palavra grega Eis que por definição exclue a ideia de uma trindade. (Segundo o STRONG 1520 “Eis é oposto a muitos…oposto a divisões em partes…significando um só”.  Tanto é assim que Eis é contrastado com πάντες em Romanos 5:12. Sendo que Eis significa “um só” e πάντες se refere a “muitos”.

 

Anúncios