Compara a Bíblia a morte a um sono ?


Essa menina que parece dormir, é um dos melhores corpos preservados em todo o mundo. É Rosália Lombardo, uma menina de dois anos que morreu de pneumonia em 1920 e agora está preservada nas catacumbas dos Capuchinhos de Palermo, na Itália, onde é conhecida como ” A Bela Adormecida”.

A evidência mostra que uma pessoa dorme ao passo  que passa por ciclos de sono. Há momentos de sono leve e alguns de sono profundo. No estado em que está passando pelo sono profundo, a pessoa não tem noção alguma do que ocorre ao seu redor. Ela está em estado de inconsciência profunda. Não há noção de tempo ou espaço e seus sentidos estão como que desligados. A Bíblia diz que “os mortos não estão cônscios de absolutamente nada” ( Eclesiastes 9:5 Salmos 146:4) É por isso que a morte é comparada a um sono.

Daví escreveu sob inspiração de Deus no salmo 13:3:

“Atende-me, ouve-me, ó SENHOR meu Deus; ilumina os meus olhos para que eu não adormeça na morte” Salmos 13:3 Almeida Corrigida e Revisada

Observe também atentamente o relato no evangelho de João 11:11-14 onde lemos na versão Almeida:

“Assim falou; e depois disse-lhes: Lázaro, o nosso amigo, dorme, mas vou despertá-lo do sono.Disseram, pois, os seus discípulos: Senhor, se dorme, estará salvo.
Mas Jesus dizia isto da sua morte; eles, porém, cuidavam que falava do repouso do sono.
Então Jesus disse-lhes claramente: Lázaro está morto
João 11:11-14

Jesus confirmou essa verdade depois que seu amigo Lázaro morreu. Ele comparou a morte ao sono. Se Lázaro tivesse ido para o céu para ficar com o Deus Todo-Poderoso, não teria sido bondoso da parte de Jesus trazê-lo de volta à Terra para, por fim, morrer de novo. O registro inspirado diz que, diante do túmulo, Jesus clamou: “Lázaro, vem para fora!” O relato continua: “O homem que estivera morto saiu.” Lázaro passou a viver de novo. Jesus sabia que Lázaro nunca havia deixado a Terra. Ele jazia sem vida num túmulo. — João 11:11-14, 34, 38-44.
Esse incidente registrado na Bíblia ajuda-nos a entender que a morte não é um meio que Deus usa para transferir humanos da Terra para o céu. Portanto, podemos nos sentir atraídos a Deus sabendo que não foi ele quem causou a nossa tristeza. E podemos também estar certos de que ele entende bem a tristeza e os danos que a inimiga morte nos causa. E a verdade bíblica sobre a condição dos mortos prova que eles não sofrem num inferno de fogo ou num purgatório, mas estão sem vida na sepultura.

Lucas registrou o seguinte relato:

“E apedrejaram a Estêvão que em invocação dizia: Senhor Jesus, recebe o meu espírito.
E, pondo-se de joelhos, clamou com grande voz: Senhor, não lhes imputes este pecado. E, tendo dito isto, adormeceu
Atos 7:59-60

Paulo escreveu também:

“A esposa está amarrada durante todo o tempo em que seu marido estiver vivo. Mas, se o seu marido adormecer [na morte], ela está livre para se casar com quem quiser, somente no Senhor” 1 coríntios 7:39 TNM;

(Para aqueles que criticam a TNM saibam que nos Mss em grego lemos literalmente “adormecer” do grego  κοιμηθῇ

Concordância de Strong 2837

(V A S P 3S Verbo no Aoristo subjuntivo passivo 3º pessoa do singular)

koimaó de NG2749: dormir, adormecer

Palavra Original : κοιμάομαι
Parte do discurso: Verbo
Transliteração: koimaó de NG2749
Fonética soletração: (koy-mah’-o)
Definição curta: Eu adormeço, estou adormecido
Definição: Eu adormeci, estou adormecido, as vezes arespeito do sono da morte.

1 Coríntios 15:51 diz:

“Eis que eu vos digo um segredo sagrado: Nem todos adormeceremos [na morte], mas todos seremos mudados.” TNM;  NIV; KJV; NKJV; NRV; ASV; tradução de Young.

Isaías o profeta também escreveu algo que se harmoniza com este entendimento:

“O próprio justo pereceu, mas não há quem fixe [isso] no coração. E homens de benevolência estão sendo recolhidos [aos mortos], ao passo que ninguém discerne que é por causa da calamidade que o justo foi recolhido. 2 Ele entra na paz; eles descansam sobre as suas camas, [todo] aquele que anda de modo direito.

Observem como a palavra de Deus iguala a morte tanto de um homem como de um animal a um sono quando diz:

“ Diante da tua censura, ó Deus de Jacó, adormeceram profundamente tanto o condutor de carro como o cavalo” Salmos 76:6

(Uma alusão quer a travessia do mar vermelho onde Egipcios morreram com seus cavalos ou as guerras do antigo Israel onde Deus entregava a morte tanto cavalos como seus cavaleiros)

Portanto, quando morremos estamos como que num sono aguardando o tempo da ressureição dentre os mortos. Por isso Jó escreveu em Jó 14:10-15:

“Mas o varão vigoroso morre e jaz prostrado;

E o homem terreno expira, e onde está ele?

11 As águas deveras desaparecem do mar,

E o próprio rio se escoa e seca.

12 O homem também tem de deitar-se e não se levanta.

Não acordarão até que não haja mais céu,

Nem serão despertados do seu sono.

13 Quem dera que me escondesses no Seol,

Que me mantivesses secreto até que a tua ira recuasse,

Que me fixasses um limite de tempo e te lembrasses de mim!

14 Morrendo o varão vigoroso, pode ele viver novamente?

Esperarei todos os dias do meu trabalho compulsório,

Até vir a minha substituição.

15 Tu chamarás e eu mesmo te responderei.

Terás saudades do trabalho das tuas mãos.”

Jeremias o profeta escreveu na mesma linha de entendimento se referindo aos maus, quando disse no capítulo 51 verso 39:

“ “Quando ficarem com calor, porei os seus banquetes e vou embriagá-los, para que rejubilem; e terão de dormir um sono de duração indefinida, do qual nunca acordarão, é a pronunciação de Jeová”

E novamente no verso 57 do mesmo capítulo:

“E eu vou embriagar seus príncipes e seus sábios, seus governadores e seus delegados governantes, e seus poderosos, e eles terão de dormir um sono de duração indefinida do qual não acordarão”, é a pronunciação do Rei, cujo nome é Jeová dos exércitos”.

Portanto Jesus disse em João 11:11: “ “Lázaro, nosso amigo, foi descansar, mas eu viajo para lá para o despertar do sono.”Sim a morte é comparada a um sono. Os mortos “não estão cônscios de absolutamente nada” como escreveu Salomão sob inspiração. Marta a irmã de Lazaro esperava que este poderia voltar “na ressureição do ultimo dia”. Ou seja, os Judeus acreditavam na ressureição da carne. Essa ressureição ainda virá no futuro. Nesta terra, quando chegar o tempo em que “há de haver uma ressureição tanto de justos como de injustos” Atos 24:15 (injustos são os que nunca ouviram falar em Jesus nem tiveram a chance de conhecer a verdade sobre Deus e seus maravilhosos propósitos)

É bom ressaltar que a primeira ressureição, para a vida nos céus já está em andamento. Mas este é um outro assunto sobre o qual abordarei num tempo apropriado.

Indague a uma Testemunha de Jeová que esta terá a maior satisfação em ajuda-lo a entender este assunto sem cobrar nada e em sua própria casa. Para isso preencha os dados no link abaixo:

Gostaria de receber uma visita 

O que acontece na morte?

Pessoas enlutadas próximas a uma sepultura

Anúncios